Início / Variadas / Mulher ganha R$ 100 mil em indenização de hospital após dar à luz bebê com deficiência grave, depois de exames indicarem que criança estava saudável na gestação.

Mulher ganha R$ 100 mil em indenização de hospital após dar à luz bebê com deficiência grave, depois de exames indicarem que criança estava saudável na gestação.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma grávida que foi informada estar esperando um filho saudável recebeu uma indenização após dar à luz um bebê com deficiência grave, que morreu dois dias depois de vir ao mundo.

Sarah Billany, mãe de três filhos, com 34 anos de idade, de Scarborough, Canadá, ficou arrasada quando os médicos revelaram que seu filho, Kyle, tinha nascido com “Síndrome de Edwrads”, uma rara e grave doença genética em que os afetados muitas vezes sobrevivem por apenas duas semanas.

Quando possuía 20 semanas de gestação, ela passou por um exame que revelou que seu filho estava complemente saudável.

Mulher ganha R$ 100 mil em indenização de hospital após dar à luz bebê com deficiência grave

Sarah Billany, de 34 anos, do Canadá, recebeu indenização de mais de R$ 100 mil depois que seu filho, dito saudável, nasceu com doença grave que o matou.

Além disso, ela havia sido informada de que estava esperando uma menina, o que a fez comprar roupas para garotas, bem como decorar o quarto da criança.

101

Quando o menino nasceu, ele teve que ser imediatamente ressuscitado.

Sarah, então, foi informada de que a criança era portadora da síndrome e, com 53 horas de vida, Sarah teve que tomar a difícil decisão de desligar a máquina que o mantinha vivo o bebê.

102

Logo após a morte do filho, ela procurou aconselhamento legal e uma investigação concluiu falhas por parte do hospital. Ela foi indenizada em cerca de R$ 110.000.

103

105

104

Fonte: DailyMail

Fonte: Gadoo.com.br

Comentários


  •  
  •  
  •  
  •  
  •