A Câmara Municipal de Penedo (CMP) recebeu dois anteprojetos do Poder Executivo, matérias distribuídas para as comissões parlamentares na sessão realizada nesta quinta-feira, 26 de junho. Os vereadores analisam pedido de autorização de crédito para construção de uma escola de ensino infantil e alteração em lei municipal, extinguindo cargos da Prefeitura, com remanejamento de servidores de acordo com grau de escolaridade e aptidão para nova função.

O vereador Derivan Thomaz falou sobre as duas propostas na tribuna parlamentar, destacando que o anteprojeto nº 015/2014 possibilita a readaptação de servidores, sem prejuízo ao serviço público. Para exemplificar a afirmação, ele citou que os cargos de telefonista, escriturário e digitador (que constam na relação dos que serão extintos) tem função exercidas atualmente pelo agente administrativo.

A Prefeitura de Penedo pretende ainda extinguir os cargos de magarefe, gari, jardineiro, auxiliar de serviços funerários, auxiliar de serviços administrativos, mecânico e operador de máquinas. Os servidores lotados nos cargos a serem extintos terão a possibilidade de exercer funções similares, observando grau de escolaridade e aptidão para o cargo.

Derivan Thomaz disse ainda que essa proposta foi analisada pela gestão anterior do Sindspem, com aprovação do sindicato que representa o funcionalismo público municipal. Os vereadores Ronaldo Vicente e Valdinho Monteiro sugeriram consultar o Sindspem antes da apreciação do anteprojeto no plenário, medida aceita por unanimidade dos parlamentares.

Fonte: Assessoria Câmara / Fernando Vinícius