CBF emite nota informando que não é proibido fazer gol de pênalti no Brasileirão


O alto número de pênaltis perdidos no Brasileirão chamou a atenção da CBF, que se viu obrigada a agir. A entidade máxima do futebol brasileiro soltou uma nota informando que não é proibido fazer gol de pênalti no principal campeonato do país.

No jogo Atlético-MG x Santos, o juiz marcou um pênalti para cada lado. Os dois foram defendidos pelos arqueiros. Sem falar no Grêmio, que já perdeu 182 pênaltis; e no Cássio, que pegou 342.

“Foram 215 pênaltis marcado no Brasileirão e 1044 desperdiçados. Ou seja, temos mais pênaltis perdidos do que pênaltis batidos. É alarmante e precisamos deixar claro que pode fazer gol de pênalti. Ninguém será rebaixado ou perderá pontos por isso. É show fazer gol de pênalti, tá?”, disse um dirigente da CBF.

Aparentemente, apenas Henrique Dourado sabia que não é proibido fazer gol de pênalti.



Fonte: Olé do Brasil