Discurso de Pedro Bial sobre a eliminação do Botafogo da Copa do Brasil 2017


Infelizmente, Pedro Bial não é um dos colaboradores do Olé do Brasil. Mas já imaginou como seriam os textos de Bial sobre as eliminações no futebol? Confira abaixo!

O menor clube grande do Brasil estava vivendo um sonho. Até pegar o Flamengo, visto pelos botafoguenses como um time medonho. O Botafogo sonhava com dois títulos no ano: Libertadores e Copa do Brasil. Até parece. Nem em mais de um século metade disso conseguiu.

Puta que o pariu, que jogada do Berrío. Com apenas um toque e uma gingada, deixou toda a defesa do Botafogo bagunçada. Sem dúvida foi uma coisa engraçada.

Diego, o belo, fez um golaço e para o botafoguense começou o flagelo: mais uma vez eliminado pelo rival eterno.

O modestíssimo Botafogo se desdobrou; deu carrinho, quando precisou. Mas nem assim o caminho da classificação trilhou. E o flamenguista comemorou.

No fim do jogo, o Mengão se defende, se empareda. Mesmo assim, o flamenguista estava tão nervoso que não passava uma agulha pela Rueda.

Como diria Beth Carvalho: Chora, não vou ligar. Chegou a hora, vais me pagar. Pode chorar. Pode chorar.

Vem para cá, Botafogo! O eliminado de hoje é você!

 



Fonte: Olé do Brasil