Choque prende envolvido em roubo que deixou família amarrada em açougue nas Moreninhas


    Milton se passou por vítima durante o roubo Foto: BP Choque

    Militares do Batalhão de Choque da PM prenderam Milton Lopes dos Santos, 39, na noite dessa sexta-feira (9), em Campo Grande. Ele e mais dois comparsas são suspeitos de assaltar um açougue nas Moreninhas, onde uma família foi mantida amarrada no banheiro do local. Como é conhecido no bairro, durante o crime ele se disfarçou de cliente/vítima. 

    de acordo com a polícia, o homem, chamado de ‘Negão’, entrou no açougue das vítimas, pediu carne, mas não conseguiu pagar a compra por conta do cartão bancário. O suspeito saiu do comércio e voltou instantes depois e continuou a fazer compras. Nesse momento, um comparsa armado com uma faca, e uma mulher portando um revólver entraram no açougue e renderam o dono e a esposa dele.

    O suspeito ”Negão”, que se fazia de vítima, amarrou a mão do proprietário com uma fita isolante e igualmente fingiu estar sob domínio dos criminosos. Ele chegou até a ser colocado atrás do balcão. Já a mulher que estava armada levou a esposa do comerciante para a casa da família, que fica ao lado do comércio. Lá, ela igualmente rendeu a  filha do casal e deixou as duas trancadas no banheiro.

    A suspeita, que era a mais agressiva, pegou os cartões bancários do dono do açougue e deu vários chutes no abdômen dele, exigindo as senhas dele. Em seguida, ele foi preso no banheiro junto com a esposa e a filha.

    Os suspeitos roubaram corrente de ouro, R$ 1.750 do caixa, carteira e os celulares de todas as vítimas. Assim que os criminosos deixaram o local,  a filha do casal gritou por socorro e foi ouvida por uma vizinha, que destrancou a porta.

    (Milton, de costas, se passou por vítima, mas estava envolvido em roubo – Foto: Reprodução)

    Prisão

    Após rondas na região, o BP Choque encontrou Milton com um Fiesta antigo, usado no crime. Ele confessou ter participado do roubo, e estava carregando parte do dinheiro dividido após o crime. Os outros envolvidos não foram localizados.

    Apesar de tentar disfarçar, as imagens das câmeras externas mostram que a primeira vez que ele deixou o local, foi somente até a esquina e conversou com os comparsas. Na saída, Negão é flagrado fugindo junto com a suspeita e outro homem.


    Fonte: Topmidianews.com.br