Nesta terça-feira (12), durante seu evento de aniversário de 10 anos do iPhone, a Apple apresentou muitas novidades sobre seus produtos – mas  anúncio mais aguardado era sobre o próprio smartphone icônico da empresa.

Vazamentos já indicavam que viria o iPhone X. Sem o botão home e com tela infinita, carregamento sem fio, reconhecimento facial e bateria que dura duas horas a mais que o iPhone 7, esse é o smartphone mais futurístico da marca.

Além de tudo isso, a câmera dele é dupla, de 12MP, e tem dupla estabilização ótica. Com tecnologia OLED, a tela Super Retina mostra pixels pretos realmente escuros, e não um pouco iluminados como acontece em telas comuns LCD. E igualmente prepare-se para a evolução dos emojis: os animojis, que podem ser controlados pelo seu rosto.

O preço por tudo isso é salgado, no entanto: o iPhone X sairá a partir de 999 dólares (cerca de R$ 3.117). As vendas dele começam a partir do dia 27 de outubro nos Estados Unidos.

A Apple igualmente anunciou mais dois novos aparelhos: o iPhone 8 e iPhone 8 Plus. A câmera deles igualmente é de 12MP, grava vídeos em 4K e agora captará 85% mais luz. Ambos celulares têm um design renovado, com vidro tanto na parte de frente quanto na de trás. Sem telas OLED e outras tecnologias especiais do iPhone X – mas além disso super potentes –, eles saem por 699 dólares (aproximadamente R$ 2.181 – iPhone 8) e 799 dólares (cerca de R$ 2.493 – iPhone 8 Plus).

5 aplicativos que transformam seu celular em um scanner





Fonte: Catraca Livre