Reinando absolutamente à frente da bateria da escola de samba carioca Grande Rio no último domingo (11), no desfile das escolas de samba do grupo especial do Rio de Janeiro, a atriz Juliana Paes não teve momentos só de curtição neste Carnaval.

Um dia após arrasar na passarela do samba na Sapucaí, Juliana passou por um grande susto ao ser a mais nova vítima da violência do Rio. Segundo o jornal Extra, a atriz e mais um grupo de pessoas que estavam com ela em uma van, a caminho do sambódromo, foram interceptados por bandidos.

O veículo foi abordado por dois assaltantes na saída do túnel Santa Bárbara, e um dos bandidos estava armado e obrigou o motorista a parar a van.

Ao reconhecerem a atriz, os marginais disseram que levariam apenas os telefones celulares dos passageiros, deixando apenas documentos e chaves de casas.

Mesmo após o assalto, Juliana Paes foi ao camarote da Grande Rio, mas pediu para que a entrevista coletiva fosse cancelada.

Durante todo o fim da noite, a atriz ficou em um local reservado.

 


Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!





Fonte: Na Telinha / UOL