Caixa de som da Amazon grava conversa escondido e envia para contato


A Amazon pode ter se metido em uma situação delicada nos Estados Unidos. Uma americana teve sua conversa com o marido gravada sem autorização pela caixa de som inteligente Echo Dot do casal. Ao fim, a assistente pessoal Alexa ainda enviou o áudio da conversa para uma pessoa na lista de contatos da usuária.

O caso aconteceu no estado americano do Oregon e teve a veracidade confirmada pela própria Amazon. A usuária, identificada apenas como Danielle, recebeu uma mensagem de alerta de um colega do seu marido com a gravação que ele acabara de receber. Felizmente, o assunto era sobre pisos de madeiras, não contendo nada sensível.

Após tomar conhecimento da gravação indevida, Danielle entrou em contato com o serviço de atendimento da Amazon. Os engenheiros da empresa, então, acessaram os registros do dispositivo e confirmaram o que a cliente estavam alegando. Segundo a usuária, a gigante americana pediu desculpas cerca de 15 vezes em aproximadamente 30 minutos. 

Em resposta à publicação do Ars Technica, a Amazon confirmou que o Echo despertou graças a uma palavra na conversa que teria soado como “Alexa”. Em seguida, a caixa de som teria escutado a conversa seguinte como “Envie uma mensagem” e, após questionar “para quem”, teria ouvido o nome do colega do marido. A empresa alega ainda que a Alexa teria perguntado em voz alta se a mensagem deveria ser encaminhada para a pessoa e, por fim, interpretado a conversa como o comando “certo”.

Embora não tenha gerado danos aos envolvidos, o caso voltou a acender o debate sobre a privacidade das caixas de som inteligentes. Afinal, produtos como Google Home, Amazon Echo e HomePod possuem microfones integrados ligados o tempo todo para captar a ativação das assistentes virtuais por voz. À mídia local, porém, a Amazon afirmou que ocorrências como a de Oregon são “extremamente raras”.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.





Fonte: Olhar Digital