Cuiabá 0 x 1 Bragantino


Com o resultado, o time paulista encerra uma sequência de três jogos sem vencer e chega aos 15 pontos

por Agência Futebol Interior


Bragança Paulista, SP, 09 (AFI) – O Bragantino vai passar a noite deste sábado na liderança do Grupo B da Série C. Isso porque enfrentou o Cuiabá no final da tarde deste sábado e conseguiu uma vitória por 1 a 0, na Arena Pantanal, em jogo válido pela nona rodada.

Com o resultado, o time paulista encerra uma sequência de três jogos sem vencer e chega aos 15 pontos, subindo para a vice-liderança. O G4 já foi garantido, mas ainda há o risco de perder posições até o final da rodada. O Cuiabá, por sua vez, fica na sexta colocação, com 13 pontos.

O JOGO
O Cuiabá mostrou mais volume de jogo e conseguiu dominar a partida, mas não foi fácil passar pela defesa do Bragantino. As melhores jogadas do time da casa saíram dos pés de Bruno Sávio, que estava em uma tarde inspirada. A equipe visitante, por sua vez, pouco chutou para o gol e só criou oportunidades nos minutos finais, mas sem muita qualidade.

Foto: Pedro Lima / Cuiabá EC

Foto: Pedro Lima / Cuiabá EC

No segundo tempo, os cuiabanos tentaram pressionar e encontraram mais espaços na defesa adversária do que na etapa inicial. Mesmo sem criar muito, o Bragantino mostrou eficiência e encontrou o caminho do gol aos 37 minutos, quando a bola sobrou na entrada da área e Rafael Chorão chutou. A bola desviou no caminho e morreu dentro da rede.

PRÓXIMOS JOGOS
O Bragantino volta a campo às 18 horas do próximo sábado para enfrentar o Botafogo-SP, no Nabi Abid Chedid. No mesmo dia e horário, o Cuiabá vai ao Passo das Emas encarar o luverdense.

Ficha Técnica

Local

Arena Pantanal – Cuiabá (MT)

Árbitro

Felipe Duarte Varejão-ES

Assistentes

Katiuscia M Berger Mendonça-ES e Fabio Faustino dos Santos-ES

Cartões Amarelos

Cuiabá-MT: Bruno Sávio, Marcão, Eduardo Ramos , Jean

Bragantino-SP: Júnior Goiano, Marquinhos, Magno

Gols

Bragantino-SP: Rafael Chorão 37′ 2T

Cuiabá-MT

Victor Souza;
Feijão, Ednei, Edson Borges e Ronaell;
Marcão, Weverton (Jenison), Jean (Alê), Eduardo Ramos (Geovani) e Bruno Sávio;
João Carlos.

Técnico: Itamar Schulle

Bragantino-SP

Alex Alves;
Ewerton, Juliano, Junior Goiano e Fabiano;
Magno, Walfrido, Danilo Bueno (Rafael Chorão), Marquinhos (Fernandinho) e Léo Jaime (Rodrigo Alves);
Matheus Peixoto.

Técnico: Marcelo Veiga

 

 








Fonte: FutebolInterior