Indústria pesqueira deixa golfinhos sem alimento


Créditos: Pixabay

Cientistas que monitoram a presença de golfinhos nas águas ao redor do norte do Chipre descobriram que os animais têm invadido as redes de pesca para pegar sua parte em peixe. A atividade de pesca comercial da região resultou numa vasta redução da quantidade de peixes disponíveis, os golfinhos então, se tornaram “criativos” para conseguir sua refeição.

Um estudo foi realizado por pesquisadores da universidade de Exeter para analisar o fenômeno. O Dr. Robin Snape, responsável por liderar a pesquisa, afirmou que “as redes que ficam próximas aos golfinhos são seis vezes mais prováveis de serem danificadas do que outras”. Segundo ele, “os golfinhos já miram naturalmente o ataque às redes dos pescadores para se alimentar, eles descobriram que a fonte da comida está nessas redes e já buscam ativamente por elas no mar”. É preciso abolir a pesca que esta causando esse circulo vicioso.

Selo Facilite

Os danos que as redes de pesca causam aos oceanos já são conhecidos. Animais “não-alvos” acabam morrendo presos nas fibras das redes. Os golfinhos, competitivos por natureza, são mamíferos carnívoros altamente inteligentes que vivem nos mares rasos ao redor dos continentes, ao notarem para onde estava indo seu alimento, trataram de direcionar seus esforços para o mesmo local.

Confira o final desta história e outras notícias inspiradoras sobre animais na ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais).

Leia também:

Golfinhos explorados são torturados em pesquisas médicas

Imagem Autor

Rede Catraca Livre

Este conteúdo – assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios – é de responsabilidade do usuário
da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.





Fonte: Catraca Livre