CIDADE DO MÉXICO  –  O candidato do Movimento Regeneração Nacional (Morena), Andrés Manuel López Obrador, segue como favorito para a eleição presidencial no México, com 41,7% das intenções de voto, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira (12) pela Confederação Patronal da República Mexicana (Coparmex).

A sondagem aponta Ricardo Anaya Cortés, da coalizão Pelo México à Frente, em segundo lugar, com 21,0% das preferências. José Antonio Meade, da coalizão Todos pelo México, aparece em terceiro, com 13,6%, e o independente Jaime Rodríguez Calderón vem em quarto, com 2,3%.

A menos de três semanas da eleição, 21,5% dos entrevistados responderam que ainda não sabem em quem votar em 1º de julho.

Congresso

Também foram analisadas as preferências dos eleitores para a renovação do Congresso. Segundo a pesquisa, o Morena também seria a primeira força política no Legislativo, com 191 assentos na Câmara dos Deputados e 60 no Senado.

O Partido da Ação Nacional (PAN), de Anaya Cortés, somaria 125 cadeiras na Câmara e 40 no Senado, enquanto o Partido Revolucionário Institucional (PRI), de Antonio Meade, teria 94 deputados e 22 senadores.

A pesquisa ouviu 13.317 pessoas de 159 seções eleitorais do país entre os dias 30 de maio e 6 se junho. O nível de confiança é 95% e, a margem de erro, de 1,1% para mais ou para menos.

* El Economista faz parte da Red Iberoamericana de Periodismo Económico (RIPE).



Fonte: Valor Econômico