Professores de Penedo aprovam ação judicial para cobrar pagamento de piso

Professores da rede municipal de ensino de Penedo decidem ingressar com ação judicial para cobrar piso nacional do magistério

Professores efetivos da rede pública municipal de Penedo aprovaram o ingresso de ação judicial para tentar recebe o pagamento do piso nacional do magistério.

A decisão foi tomada durante assembleia geral realizada nesta sexta-feira, 14, no Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Penedo (Sindspem).

O presidente da entidade sindical, José Luís Dantas Passos, disse ao site Boa Informação que os professores filiados ao Sindspem têm até o dia 28 de setembro para providenciar toda a documentação necessária para protocolar ação.

De acordo com a nota divulgada pelo dirigente sindical, os interessados em participar da demanda judicial devem levar os seguintes documentos ao sindicato:

*Ficha Financeira referente ao período de 2013 a 2018;

*Cópia do CPF, RG e do Comprovante de Residência (com data que não exceda 90 dias);

*Preencher e assinar a procuração (à disposição na recepção do sindicato com Karina ou Beto, no horário das 8 às 18h).

Paralisação dos professores

Outra decisão tomada durante a assembleia realizada nesta sexta-feira, 14, foi a paralisação das atividades dos professores da rede municipal de ensino na tarde da próxima quarta-feira, 19.

O protesto ocorre em nível estadual, com adesão dos professores de Penedo que poderão acompanhar a audiência pública que ocorrerá em Brasília sobre os precatórios e recursos do Fundeb/Fundef.

O debate sobre o tema que mobiliza professores concursados de prefeituras de todo o país será exibido em telão instalado no auditório do Sindspem.

Além disso, a paralisação também se justifica como forma de reivindicar melhores condições de trabalho, valorização do profissional do magistério, pagamento do piso salarial nacional, transporte de qualidade para docentes e alunos, segundo informou o gestor da entidade durante contato com a reportagem do Boa Informação.