Close errado: Nego do Borel é processado por brincadeira de mau gosto em aeroporto (Imagem: Reprodução / Instagram)

Nego do Borel está sendo processado por Hilda de Britto Champoudry, de 61 anos. O motivo da processo é que, em 2014, o cantor deu um susto na senhora enquanto estavam no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Além da brincadeira de mau gosto, o funkeiro ainda publicou o vídeo nas redes sociais.

Segundo o UOL, no processo, a advogada explica que Hilda estava aguardando um parente no local. “Usando um agasalho com capuz, atirou-se sobre ela, gritando, como se fosse tombar sob ela, saindo às gargalhadas, sob o riso e gracejos de outras pessoas que o acompanhavam, causando-lhe um grande susto, que desencadeou uma aceleração cardíaca, só controlada após fazer uso de calmante“, explicou a profissional da cliente que está cobrando R$ 95 mil por danos morais.

No mesmo dia em que levou o susto, Britto viu que o vídeo tinha sido postado na página do Facebook de Nego do Borel.

De acordo com o site, a assessoria do funkeiro afirma que se trata de um caso antigo, mas que ele ainda não foi notificado, “por isso não temos conhecimento das alegações e não tem como o Nego falar sobre o assunto“, explicou.

COMENTÁRIOS – Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!



Fonte: RD1.com.br