Décio Piccinini no palco do Teleton, ao lado de Leão Lobo, Lívia Andrade e Luís Ricardo (Imagem: Bruno Correa / SBT)

Colaborou Paulo Silva

Décio Piccinini se emocionou no palco do Teleton 2018, na tarde deste sábado (10), com uma das histórias de superação dos pacientes da AACD. Nos bastidores, o apresentador do “Fofocalizando” falou sobre a maratona ao RD1 e a falta de solidariedade do povo brasileiro.

Eu não sei fazer nada pela metade. Tenho mais de 70 anos, sou jornalista e radialista desde 1967, e posso te dizer uma coisa: ou eu me jogo inteiro, sem perguntar ‘se tem água na piscina’, ou eu nem chego perto. Numa causa como essa, você tem que se jogar inteiro!”, comentou Décio.

Tem que se jogar pra reverter essa indiferença do público brasileiro, que era tão solidário e que, de repente, cada um tá fechando a porta atrás de si”, afirmou, salientando que esta mudança não se deu por conta das recentes – e conturbadas – eleições presidenciais.

Eu acho que isso já vem de algumas décadas, infelizmente. Lentamente… Talvez agora, esse maldito processo tenha acelerado. Mas, se há uma possibilidade de reverter, eu vou me jogar de cabeça sempre!, concluiu Piccinini, que dividiu a cena com os colegas de “Fofocalizando”, Leão Lobo, Lívia Andrade e Mamma Bruschetta.

COMENTÁRIOS – Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!



Fonte: RD1.com.br