Nos bastidores do “Teleton”, Dudu Camargo falou sobre a nova fase do “Primeiro Impacto”, no SBT (Imagem: Divulgação / SBT)

Colaborou Paulo Silva

Depois da sua participação no Teleton 2018, na manhã deste sábado (10), Dudu Camargo conversou com a equipe do RD1 presente nos bastidores da maratona televisiva em prol da AACD e falou sobre os bons resultados do “Primeiro Impacto”, do SBT.

Na conversa, o apresentador comentou os números de doações ainda baixos – a meta é de R$ 30 milhões. “O pessoal fica esperando o Silvio Santos entrar no palco para doar, ligar. Deixam sempre para última hora. Coisa de brasileiro“, disse o funcionário de Silvio Santos, que fez suas tradicionais danças no palco da atração.

Um dos comandantes do telejornal matinal, Dudu também comemorou a audiência e a ampliação dele a partir de segunda-feira (12) – tirando 30 minutos do “Bom Dia & Cia”. “O ‘Primeiro Impacto’ vai ganhar mais meia hora a partir de segunda-feira. Eu estou muito feliz, até porque eu ficava muito preso porque eu tinha que pagar meus breaks [comerciais] das 6h às 7h, no horário nacional. Aí agora vou poder fazer estratégia melhor, pagar meus breaks, pelo menos, depois das 8h“, contou ele.

O programa cresce a cada mês. Agora é das 6h da manhã indo até às 8h30. Daqui a pouco vou entrar na emissora às 6h e só saio no ‘SBT Brasil’. Mas com duas horas e meia já estou satisfeito. Às vezes a gente estende o jornal muito tempo, mas o legal é ir crescendo aos poucos“, acrescentou o apresentador.

O “queridinho” do “patrão” comentou sobre os cortes nos desenhos animados e lembrou da “TV Globinho”, que perdeu espaço na Globo para o “Encontro com Fátima Bernardes”, por questões comerciais. “Claro que o SBT não vai deixar de exibir desenhos, até porque é uma ordem de Silvio Santos“, disse.

Olho no entretenimento?

O ex-“Homem do Saco” do “Fofocalizando” – na época “Fofocando” – já revelou algumas vezes o seu interesse em deixar de lado um pouco o jornalismo. Nos bastidores do Teleton, ele disse que em 2019 segue na mesma área, mas que ainda espera apresentar um programa de auditório.

Vou seguir [em 2019] no Jornalismo, mas se surgir algo ligado de auditório ou algum programa ligado ao entretenimento nós podemos fazer também. Cheguei já a gravar um piloto de um programa há muito tempo, mas não foi levado ao ar. Está na gaveta. Foi um programa diferenciado e até surgiram na grade umas chamadas que esse conteúdo seria levado para esse programa. Quem sabe não tiram ele da gaveta e colocam no ar. Aqui, no SBT, tudo pode acontecer“, revelou Dudu.

COMENTÁRIOS – Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!



Fonte: RD1.com.br