​Ao conquistar o primeiro torneio internacional da sua história – o título da Copa Sul-Americana, inclusive, levou o clube a entrar diretamente na fase de grupos da próxima Libertadores -, era natural que o ​Athlético-PR mantivesse a sua estrutura de trabalho. Pois agora, enfim, a direção chegou a um acordo para a renovação de vínculo do técnico Tiago Nunes.

Já segue a gente no Instagram? ​Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

O processo foi longo, tendo começado lá em novembro, em meio à arrancada da equipe no Campeonato Brasileiro e antes mesmo da decisão continental. Agora que ocorreu o acerto por mais um ano, enfim o profissional terá um contrato padrão entre os técnicos, com alguns dispositivos específicos. Antes, ele era ligado à instituição somente pelo regime de CLT, ou seja, era um funcionário “comum” com carteira assinada.

Mesmo enquanto não tinha alinhavado o acerto, ele já participava da montagem do elenco do Furacão. E bem prestigiado. No início de 2018, ele dirigiu o Athlético-PR na conquista do Campeonato Estadual com a equipe de aspirantes. Depois, em função do mau desempenho de Fernando Diniz à frente do time principal, teve um “up” na carreira ao assumir o comando, dar uma verdadeira reviravolta nas perspectivas do clube e terminar a temporada dando mais uma volta olímpica, esta bem mais especial e histórica. Ainda em dezembro, chegou a ser sondado pelo Goiás, que acabou anunciando Maurício Barbieri.Assim como aconteceu no ano passado, o Furacão disputará o Paranaense com um grupo alternativo, tendo Rafael Guanaes como treinador.





Fonte: 90min