Com dois jogos-treino e alguns treinos táticos, Fernando Diniz já ‘matou’ uma questão a ser resolvida pela comissão técnica tricolor neste início de 2019: quem jogará no comando de ataque, já que o centroavante Pedro, dono inquestionável da camisa 9, ​segue em recuperação física após realização de cirurgia no joelho

Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

Com bom rendimento nas atividades e histórico anterior cumprindo a função, o escolhido como novo centroavante tricolor foi o recém-chegado Yony González. Como destacamos nesta semana, ​o colombiano tem encantado a comissão técnica do Fluminense, por sua força, mobilidade, polivalência e poder de finalização.

De acordo com o ​Globoesporte, a grande dúvida de Diniz para escalar o Tricolor contra o Volta Redonda, para a estreia do próximo dia 19, fica a cargo do setor de meio-campo. Mateus Gonçalves e Daniel disputam o posto de armador da equipe, sendo acompanhados de dois volantes de contenção: Airton e Bruno Silva. Há também a possibilidade de jogar com Mateus pela ponta e Luciano recuado, esquema testado por Diniz contra a Cabofriense (primeiro jogo-treino).

Vale lembrar que o clube carioca busca um camisa 10 ainda nesta janela, e tenta viabilizar a chegada de um articulador de alto nível. ​Paulo Henrique Ganso e Nenê estão na mira, no entanto, as duas tratativas são consideradas complexas pelas altas cifras que envolvem.

​​





Fonte: 90min