Globo usa trilha de “A Dona do Pedaço” para divulgar especial sertanejo

A Dona do Pedaço
Personagem de Juliana em “A Dona do Pedaço”, Maria da Paz terá clássico de Chitãozinho e Xororó como tema (Imagem: João Miguel Júnior / Globo)

A Globo não dá ponto sem nó. Prova disso é a inclusão de “Evidências” no repertório da próxima novela das 21h, “A Dona do Pedaço”, com estreia anunciada para o próximo dia 20. Segundo informações da jornalista Cristina Padiglione, a canção servirá como tema do casal protagonista, Amadeu (Marcos Palmeira) e Maria da Paz (Juliana Paes). E também como “aquecimento” para a volta do “Amigos”, bem-sucedido especial sertanejo veiculado pela emissora na década de 1990, estrelado pela dupla Chitãozinho & Xororó – os primeiros a gravarem o hit.

“Evidências”, composição de José Augusto e Paulo César Valle, abria o álbum “Cowboy do Asfalto”, lançado em 1990. O disco ganhou platina, com mais de 250 mil cópias vendidas. Na época, porém, a música acabou “ofuscada” por “Nuvem de Lágrimas”, gravada por Chitão, Xororó e Fafá de Belém, presente na trilha de “Barriga de Aluguel”, às 18h.

Nos anos seguintes, “Evidências” se tornou um clássico dos karaokês. Também foi incluída no repertório de duas novelas off-Globo: “Pérola Negra” (1998, SBT), na voz do compositor José Augusto, e “Ribeirão do Tempo” (2010, Record), em versão de Tony Francis. Agora, dividirá espaço, em “A Dona do Pedaço”, com outras canções passado. Caso de “Cheia de Manias”, de 1991, um dos maiores sucessos do grupo de pagode Raça Negra.

A expectativa é que “Evidências” na novela das 21h auxilie a retomada do projeto “Amigos”. Chitãozinho e Xororó saem em turnê pelo Brasil como a apresentação, ao lado de Leonardo e de Zezé Di Camargo e Luciano. O quinteto, que foi ao “Fantástico” recentemente, deverá embolsar cerca de R$ 2 milhões por show. A Globo vai converter um dos espetáculos em especial de fim de ano.

Foi a emissora quem lançou a série, em 1995, com Chitão, Xororó, Leandro (falecido em 1998), Leonardo, Zezé e Luciano no topo das paradas. O especial fez tanto sucesso que ganhou reprises ao longo de 1996 – em meio à presença das três duplas na trilha de “O Rei do Gado”, a mais vendida de todos os tempos. O programa chegou ao fim em 1998, após a morte de Leandro. Em 1999, os remanescentes estrearam o musical “Amigos & Amigos”, nas tardes de domingos.

 

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS – Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!



Fonte: RD1.com.br