Valentina solta palavrão ao saber que Judith irá morrer

Valentina (Lilia Cabral) em O Sétimo Guardião
Valentina (Lilia Cabral) em O Sétimo Guardião (Reprodução)

Aguinaldo Silva, autor de O Sétimo Guardião, nunca economizou nos diálogos fortes ditos pelos seus personagens. E isso acontecerá também na reta final da trama, que terá seu último capítulo exibido nesta sexta-feira (17). O grande mistério em torno da morte dos guardiães será desvendando, revelando que Judith foi a responsável pelos assassinatos.

A governanta irá tomar um chá envenenado depois de não ter conseguido cumprir o combinado com o espírito de Egídio (Antonio Calloni). A funcionária da Irmandade prometeu assassinar a tempo, todos os guardiães que falharam em sua missão primordial de proteger a fonte milagrosa de Serro Azul.

Depois de revelar a Gabriel (Bruno Gagliasso), Murilo (Eduardo Moscóvis) e Valentina (Lilia Cabral) que era a assassina e se auto-envenenou, ela dirá que tem pouco tempo de vida. Valentina ficará indignada e não aceitará que a empregada morra sem pagar por seus crimes.

“Ela só está ganhando tempo, tomou o veneno e quer morrer pra não ser punida pelos crimes”, diz a ex-malvada. De repente, Murilo e Gabriel correm para a porta do casarão pois Olavo está invadindo o local com seus homens. “Acho que o problema de vocês agora é outro”, fala Judith ao ficar sozinha com Valentina.

Indignada por Judith ter matado cinco pessoas, Valentina empurra a governanta no chão com raiva e dispara: “Morre logo, sua filha da puta!”. Antes de morrer, Judith faz um pedido: “Protejam a água”, caindo ajoelhada em seguida.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela O Sétimo Guardião

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.



Fonte: Observatório da TV