Irmãos procurados pela polícia por tentativa de homicídio em ‘Colégio’ se entregam

Na tarde desta terça-feira (18), por volta das 17h, os irmãos Valdemir Ferreira Fortunato, vulgo “Mini Gato”, 20 anos e Jackson ferreira dos Santos, vulgo “Sí”, 19 anos, então procurados pela polícia, se apresentaram com seus advogados no cartório da Delegacia de Porto Real do Colério, litoral sul do estado.

Os irmãos são investigados na prática do crime de tentativa de homicídio fazendo uso de faca contra Sandro Soares da Silva, conhecido por “CAPÃO”, fato ocorrido no início do mês, mais precisamente no dia 2 de junho, madrugada de domingo, por volta das 03h, no centro do município.

Segundo as investigações policiais, ao final de um eventos festivo, os irmãos Valdemir e Jackson se envolveram em uma briga com a vítima onde esfaquearam a mesma no pescoço e nas costas, sendo socorrida para um hospital em Propriá e logo reconduzida para o HUSE em Aracaju, onde permaneceu internada por vários dias.

“O trabalho policial foi rápido, sendo o respectivo inquérito alimentado com as informações pertinentes à ocorrência, com a juntada laudos médicos e outras provas do crime, oportunidade em que representamos com o pedido de prisão temporária dos suspeitos perante o juízo criminal local”, disse o Delegado Rômulo Santana Andrade.

Várias buscas estavam sendo feitas com intuito de ser dado cumprimento as ordens de prisão emitidas pela justiça, fato que apressou a apresentação dos presos nesta Delegacia. Os irmãos foram qualificados e interrogados, um deles que confessou espontaneamente a prática do crime, alegando uma suposta legítima defesa.

Depois de adotados os procedimentos de praxe, ambos os acusados foram conduzidos para carceragem em outro unidade policial, onde permanecerão à disposição da justiça.

Assessoria PC-AL

Comentários