Palmeiras desconfia de ‘manobra’ do Botafogo para adiamento de julgamento

Uma pequena ‘novela’ dentro do Brasileirão 2019 ainda parece distante de seu capítulo final. Alegando uso indevido da tecnologia do árbitro de vídeo (VAR), o ​Botafogo buscou as vias jurídicas para tentar anulação do duelo contra o ​Palmeiras, válido pela sexta rodada, caso que vem se arrastando e teve seu julgamento adiado nesta semana.

Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

​​Originalmente programado para acontecer na próxima quinta-feira (13), em São Paulo, o julgamento do caso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva foi adiado para a outra terça-feira (18), desta vez em Salvador. O Botafogo teria sido um dos interessados na remarcação, alegando que o advogado do clube teria outro compromisso já agendado para o dia 13.

De acordo com a apuração do ​UOL Esportes, a mudança na data inicial gerou desconforto e desconfiança nos bastidores do Palmeiras. Internamente, o clube alviverde crê que houve manobra por parte do rival carioca para que o caso não fosse julgado na capital paulista. O Glorioso, por sua vez, nega que o local da sessão tenha influenciado o adiamento.

Felipe Melo,Luiz Fernando





Fonte: 90min