Burocracia faz CBF trazer “novidades” envolvendo Róger Guedes e Palmeiras nos próximos dias

​Constantemente o atacante Róger Guedes vem tendo seu nome especulado para um possível retorno ao futebol brasileiro nesta janela de transferências. O Corinthians seria o principal interessado em contar com o jogador, ex-​Palmeiras e Atlético-MG, que defende atualmente o Shandong Luneng, da China. Guedes foi contratado em meados do ano passado por 9,5 milhões de euros e teria assinado vínculo até 2021. 

Só que uma situação curiosa vai acontecer na próxima semana no Boletim Informativo Diário da CBF, que é o mecanismo da entidade nacional a qual regulariza os jogadores para poderem atuar por seus respectivos clubes de maneira legal. Assim como está no site ​Transfermarkt, Guedes ainda aparece como jogador do Palmeiras e repassado ao Shandong Luneng por empréstimo.

Roger Guedes

De acordo com o ​repórter Saimon, Guedes viu seu contrato de empréstimo terminar com o Palmeiras neste sábado (13) e agora vai rescindir oficialmente o vínculo com o clube de Palestra Itália para assinar em definitivo com o clube chinês até julho de 2021. Trata-se de uma operação burocrática e já programada desde a venda do atacante de 22 anos. 

Até aqui, em quase uma temporada no futebol chinês, Guedes jogou 20 partidas pelo Shandong com direito a nove gols. O atacante ainda não conquistou títulos no país. No Brasil, ele foi campeão brasileiro com o Alviverde em 2016, sendo um dos titulares absolutos do elenco então comandado por Cuca. 

Semelhanças burocráticas. A situação de Guedes é parecida com a do centroavante Miguel Borja. Quando chegou no início de 2017, o camisa 9 assinara um contrato de cinco anos com o Palmeiras. Entretanto, por ser estrangeiro e precisar renovar seu visto de trabalho, o colombiano tem vínculo com o clube até o próximo dia 23 de julho. Será automaticamente prorrogado até dezembro de 2021, como combinado, embora o Verdão tenha o desejo de vendê-lo, já que vem “encostado” no elenco de Felipão. 





Fonte: 90min