Fla estuda “repatriar” zagueiro destaque na Itália; diretoria tem acesso a valores de transferência

0

A dois dias de retornar às atividades na Copa do Brasil, em que enfrenta o Athletico-PR, na Arena da Baixada, o ​Flamengo continua atento ao mercado da bola. Tudo porque o técnico Jorge Jesus deixou claro que espera a contratação de mais reforços pontuais, entre eles um zagueiro de experiência internacional. ​Com Bruno Spindel e Marcos Braz, profissionais do futebol do clube, na Europa, crescem as expectativas de uma possível novidade. 

Nesta segunda-feira (08), reportagem do jornalista ​Venê Casagrande, da FlaPress, informa que o zagueiro Samir, da Udinese, da Itália, foi oferecido à diretoria rubro-negra por indicação de Spindel, diretor de futebol do Flamengo. O problema é que os italianos não estão dispostos a negociar o jogador de 24 anos e peça fundamental na equipe do técnico Igor Tudor. 

Caetano De Souza Samir

Revelado nas categorias de base do Rubro-Negro carioca, Samir tem contrato com a Udinese até junho de 2022. A equipe italiana acredita que, se o zagueiro fizer uma boa temporada, conseguirá vender o jogador por, pelo menos, 15 milhões de euros (cerca de R$ 64 milhões na cotação atual). Obviamente os dirigentes do Flamengo vão tentar convencer a “Udi” sobre uma possibilidade de empréstimo do beque. 

Samir chegou ao Flamengo em 2011 vindo do Audax Rio. Em pouco tempo, ele mostrou qualidade e se firmou como zagueiro titular na Gávea nas temporadas 2014 e 2015. As atuações no Rubro-Negro chamaram a atenção do Velho Continente e a Udinese pagou cerca de R$ 16 milhões pelo atleta, sendo metade da quantia depositada na conta corrente dos cariocas.

Vale lembrar que o Flamengo quer anunciar o novo zagueiro até o final da janela de transferências para o mercado nacional, no dia 31 de julho. O problema de arrastar as negociações por reforços cai nos prazos para inscrevê-los nas competições mata-mata – o clube tem até esta terça-feira (09) para assinar novos nomes para a Copa do Brasil. Na Libertadores, o “deadline” fecha no próximo dia 21.





Fonte: 90min