Henrique Almeida revela chance de saída antecipada do Grêmio

 

​Henrique Almeida se reapresentou ao Grêmio na última segunda-feira após ser emprestado por uma temporada ao Belenenses, de Portugal. Na temporada europeia, o centroavante de 28 anos atuou apenas em 19 partidas, balançando as redes em cinco oportunidades. Devido a uma fratura no braço, o último jogo do jogador foi no dia 11 de fevereiro deste ano. 

Conheça o Bet365 Apostas Ao Vivo

 

​​No entanto, a reapresentação do jogador não foi da maneira como ele esperava. Afinal, Henrique já sabe que não será aproveitado no restante da temporada gremista pelo técnico Renato Gaúcho, e já tenta um acordo com a diretoria do clube para ser​ liberado antes de seu contrato terminar, no fim deste ano. Atualmente, o atleta treina com o elenco B do Tricolor Gaúcho e lamenta a forma de seu retorno ao elenco. 

Saiba tudo sobre Aplicação Móvel Sportingbet

Henrique Almeida

 

Acabei voltando para o Grêmio não da forma que gostaria, pois o Grêmio é um dos maiores clubes do Brasil, com um dos melhores treinadores que trabalhei. Se dependesse de mim gostaria de sair do Grêmio de outra forma. – Afirmou o jogador

Em contato com o ​Globoesporte.com, o atual executivo de futebol do Grêmio, Klauss Câmara negou a possibilidade do jogador ser liberado dos últimos 6 meses de seu contrato, mas afirmou que ambas as partes estão empenhadas para chegar a um acordo que seja benéfico para todos.

Segundo Henrique Almeida, já chegaram ​algumas propostas para o jogador, tanto de clubes do Brasil, quanto de clubes do exterior, mas ao mesmo tempo que tenta resolver seu futuro, o centroavante lamente a falta de oportunidades na equipe gaúcha. 

Estou com propostas no Brasil e para fora, então estou estudando as opções e vendo o que é melhor para mim. Com certeza tenho vontade de vestir a camisa do Grêmio, acho que não tem um jogador que não tem essa vontade. Ao menos pude vesti-la e ganhar um título, sou muito grato a torcida e ao Grêmio por isso.” – Completou.

 

 

Henrique foi comprado pelo Grêmio em 2016, completou 33 partidas e marcou apenas três gols com a camisa tricolor e por conta de atritos com a torcida, começou a ser emprestado para outros clubes. Em 2017, defendeu as cores do Coritiba, e nos anos seguintes atuou no futebol europeu.

Fonte: 90min