Ligada por suas origens, dupla afina parceria e cresce de produção no Vasco

0

​De um lado, o grande artilheiro da equipe nos últimos anos. Do outro, um recém-chegado que já conquistou a torcida por sua raça e entrega. Não há dúvida de que o projeto de resgate do ​Vasco em 2019, com Luxemburgo, passa pelo bom desempenho da dupla Yago Pikachu e Rossi, dobradinha que vem trazendo frutos ao clube pelo lado direito. O bom rendimento da parceria, no entanto, pode ser explicado pela ‘conexão extracampo’ entre os atletas.

Já segue a gente no Instagram? Clique aqui e venha para a Casa dos Torcedores!

​​Como destaca o ​UOL Esportes, Pikachu e Rossi são conterrâneos, naturais do belíssimo estado do Pará. O lateral-direito nasceu na maior cidade e também capital, Belém, enquanto o atacante tem suas origens em Prainha, interior do estado. Apesar de trilharem caminhos distintos no início de suas respectivas carreiras – o primeiro foi formado nas categorias de base do Paysandu e o segundo rumou cedo ao Rio de Janeiro-, hoje os paraenses estão juntos em São Januário e formam uma dupla difícil de ser parada pelas marcações adversárias.

Rossi

Assim que chegou ao Vasco, por sinal, Rossi foi presenteado por Yago Pikachu com uma ‘iguaria’ típica da região, o açaí: Usamos algumas expressões de nossa terra que alguns ficam sem entender. E ele [Rossi] fica pedindo os açaís que eu tenho de lá”, revelou o lateral.

Sobre a parceria dentro das quatro linhas, o camisa 22 não pontou elogios ao companheiro e conterrâneo: O Rossi é um jogador que dá opções para os que estão em campo pela sua habilidade e velocidade. Esse entrosamento tem crescido ao longo da temporada”, concluiu.

No próximo sábado (13), o Vasco da dobradinha Rossi-Pikachu entra em campo em busca de sua terceira vitória consecutiva no Brasileirão. Mas a missão não será nada fácil para o time carioca, que tem pela frente o ​Grêmio em Porto Alegre.





Fonte: 90min