Movimentos recentes de mercado fazem São Paulo elevar multa de promessas da base

​Que o mercado da bola inflacionou de uma maneira, para muitos, impensável, isso é a mais pura verdade. E os movimentos de alguns clubes brasileiros nos últimos meses se deram justamente com base nas negociações mais recentes e que levaram para a Europa duas das principais promessas do futebol nacional.

De torcedor para torcedor: clique aqui e siga o 90min no Instagram!

FBL-ESP-BRA-REAL MADRID

Do ano passado para cá, o ​São Paulo, por exemplo, tomou uma medida importante: aumentou a multa rescisória de alguns jogadores de 40 milhões de euros para 50 milhões de euros. E, conforme a ​coluna De Primeira, as saídas de Vinicius Junior, do ​Flamengo, e de Rodrygo, do ​Santos, embasaram esta atitude do Tricolor. A dupla deixou o País muito cedo rumo ao Real Madrid, respectivamente, por 45 milhões de euros e 40 milhões de euros.

Antony,Diego

Sendo assim, o São Paulo elevou o valor para a quebra de contrato de jovens das categorias de base. Com base nestes movimentos, ainda recusou uma oferta de 25 milhões de euros do Manchester City por Antony. A nova multa também serve para atletas recém-chegados, como o jovem atacante Raniel.





Fonte: 90min