Presidente do Corinthians toma decisão para tentar facilitar venda de Pedrinho

​O ​Corinthians pode acertar, nas próximas semanas, a venda de sua principal revelação na temporada. Campeão do Torneio de Toulon, na França, com a Seleção Brasileira Sub-23, o meia-atacante Pedrinho deve ser negociado com o futebol do exterior em breve. Depois de não apresentar bom rendimento em amistosos, o Timão volta à campo no domingo (14), contra o CSA, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Segundo informação da reportagem do site​ FOXSports.com.br, o presidente Andrés Sanchéz tomou uma atitude que pode encaminhar a venda de PedrinhoPor recomendação do mandatário, o clube agora aceita vender a joia por 40 milhões de euros (aproximadamente R$ 170 milhões). O valor fica 10 milhões de euros abaixo da multa rescisória do jogador de 21 anos.

FBL-SUDAMERICANA-CORINTHIANS-LARA

As boas atuações despertaram o interesse de clubes da Europa, que sondaram a situação do atleta. No entanto, o alto valor pedido era visto como um obstáculo pelas grandes equipes. A atitude de Andrés Sanchéz, deve facilitar a saída do meia rumo ao Velho Continente ainda durante a janela de transferências deste meio do ano. As ofertas do exterior já chegaram aos 25 milhões de euros (R$ 110 milhões). Entre os interessados, estiveram, entre outros, Ajax, da Holanda, e Borussia Dortmund, da Alemanha.

O jovem foi promovido ao elenco principal do Corinthians em 2017, quando somou 19 atuações e um gol marcado. O ano da afirmação foi 2018, com 53 partidas e três bolas na rede. Já em 2019, são 29 jogos, sendo 14 como titular, e três tentos anotados. Recentemente, seu agente, Giuliano Bertolucci, causou polêmica ao lamentar a má utilização de Fábio Carille, que estaria escalando o atleta na posição errada, e revelou que, no passado, tentou tirar o camisa 38 do clube.  



Fonte: 90min