Yan admite ter descartado propostas por projeto do Sport e “cutuca” presidente do Palmeiras

Com um elenco farto, o ​Palmeiras não teve outra escolha a não ser emprestar várias de suas joias da base nos últimos dias. O atacante Yan, de 20 anos, foi um exemplo. Após seis meses no futebol português, onde defendeu o Estoril, o ponta-direita foi anunciado oficialmente no ​Sport Recife na última quarta-feira (10). Ele já vem treinando com o restante do elenco sob o comando do técnico Guto Ferreira, que gosta bastante do talentoso jogador.

Em suas primeiras palavras como reforço do Leão, Yan encara o desafio da Série B do Campeonato Brasileiro como um dos maiores de sua ainda promissora carreira. Lembrado por Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, em entrevista ao programa “Grande Círculo”, do SporTV, o atacante mostrou um pouquinho de chateação com seu clube pela falta de oportunidades no time principal.

“Fico feliz por ele (Maurício Galiotte) estar lembrando de mim como um atleta promissor da base do Palmeiras. Mas o grupo do Palmeiras é muito forte e era complicado para jogar lá”, confessou Yan, que está emprestado para o clube da Ilha do Retiro até dezembro. Na sua chegada ao Sport, ele foi bastante elogiado por Ferreira, que já o acompanhava desde o Sub-17, em atuações pela Seleção Brasileira da categoria. 

“O Sport é um grande clube e pode me dar muita visibilidade. Neste momento, eu penso no passo a passo, primeiro temos que conquistar nossos objetivos aqui, que é o acesso e, consequentemente, ser campeão. Antes de saber da proposta do Sport, eu tinha recebido outras propostas, mas assim que chegou o comunicado que o Sport queria contar com o meu futebol eu não pensei duas vezes. Primeiro, pelo que o Guto falou, pois ele já me conhecia; segundo, pela grandeza do Sport e pelas ambições que o clube tem. Por isso, não pensei duas vezes em vir para cá”, completou o atacante.

No curto tempo de Sport, Yan já mostrou a que veio. Nos dois amistosos durante a Copa América diante do CSA, marcou um gol e já entrou no decorrer da partida contra o São Bento  pela Série B. O Leão empatou por 2 a 2 o duelo disputado em Sorocaba (SP), resultado que coloca os pernambucanos momentaneamente no G-4 – em quarto lugar, com 16 pontos. 

Ele deixou claro que a experiência curta em Portugal o fez evoluir bastante na questão tática de jogo. “Vir para o Sport vai ser uma forma de crescer mais. Aprendi muito taticamente e uma forma de jogar diferente quando estava no Estoril, em Portugal, então posso ajudar o Sport de maneiras diferentes a conquistar o acesso à Série A e depois ser campeão”, declarou Yan. 





Fonte: 90min