Beccacece recusa investida e Athletico-PR já tem novo alvo para comandar time em 2020

A saga para contratar o sucessor de Tiago Nunes continua no ​Athletico-PR. Após a saída do comandante, que assinou contrato com o Corinthians, agora os paranaenses estão de olho no planejamento para 2020, em que o Furacão terá novamente a Libertadores em disputa. O plano A do presidente Mario Celso Petraglia era o argentino Seba Beccacece, ex-Independiente e Defensa Y Justicia, porém, segundo reportagem do ​site do Fox Sports, o mentor recusou a primeira investida dos rubro-negros. 

Embora a reportagem informe que o Athletico ainda deva fazer uma nova oferta nos próximos dias por Beccacece, um novo alvo surge nas alamedas do CT do Caju. ​Rafael Seixas, setorista do Bahia, informa que os paranaenses sondam a situação de Roger Machado. O técnico era um dos destaques do Campeonato Brasileiro até há algumas rodadas, quando o Esquadrão de Aço aparecia no G-6. Entretanto a equipe perdeu o rendimento e caiu para nono lugar. 

Roger Machado

A análise do Athletico em Roger, todavia, ainda é positiva, independentemente da oscilação do Bahia. O treinador tem vínculo válido até dezembro de 2020 e, oficialmente, a assessoria do Tricolor nega veemente a procura do Furacão. Além do Maior do Nordeste, o comandante já dirigiu anteriormente o Palmeiras, o Atlético-MG e o Grêmio. A tendência é que as negociações na Arena da Baixada só cheguem a uma conclusão ao término do Brasileirão. 

Com a saída de Tiago Nunes, o Athletico corre o risco de uma “debandada” de atletas. São 10 atletas emprestados que terão seus contratos encerrados em dezembro. São eles: Marco Ruben, Pedro Henrique, Camacho, Madson, Thonny Anderson, Tomás Andrade, Bruno Nazário, Braian Romero, Abner Felipe e Everton Felipe. Marcelo Cirino e Lucho González estão em final de contrato, enquanto que Bruno Guimarães, Rony, Léo Pereira e Santos têm sondagens fortes de outros clubes, tanto do Brasil quanto do exterior. 

Let’s block ads! (Why?)





Fonte: 90min