Neto surpreende e diz em programa que gostaria de ver Lucas Lima no Timão

A estreia oficial do ​Palmeiras na temporada 2020 – após o título na Flórida Cup – impressionou bastante gente. A goleada por 4 a 0 sobre o Ituano marcou a reestreia oficial de Vanderlei Luxemburgo pelo clube alviverde e o treinador sabe que tem muitas responsabilidades em suas mãos. Uma delas é recuperar atletas perseguidos pela torcida, com destaque para Lucas Lima. Com um dos maiores salários do elenco, o camisa 20 ainda não apresentou seu melhor desempenho desde que chegou à Academia de Futebol, no fim de 2017. 

Pelo menos na estreia do Paulistão, o armador não decepcionou o “Professor” com uma atuação de gala, com direito a golaço no segundo tempo. O desempenho de Lucas Lima foi tão significativo que rendeu elogios do apresentador Neto, ferrenho crítico do meia do Palmeiras. No ano passado, o ex-jogador do ​Corinthians ironizou várias vezes o jogador, com direito a parabéns pelo “jejum” de um ano sem balançar as redes. 

Lucas Lima

Entretanto, a opinião de Neto parece estar mudando. Durante edição de seu programa na TV Bandeirantes, “Donos da Bola”, o apresentador entregou o troféu “Pé de Rato” ao camisa 20 do Palmeiras – claramente uma provocação ao desafeto -, porém deixou claro que ainda aguarda o bom futebol de Lucas nos tempos de Santos em 2015 e 2016. “Se você conseguir fazer 10 gols no ano, eu quebro esse pé. Ô, Lucas Lima, você é bom jogador. Queria ver você no Corinthians, mas com vontade de jogar bola”, disse o ex-camisa 10 do Timão na ​edição do último dia 21

O meia do Palmeiras terá quatro competições para poder cumprir a meta de Neto. Além do Paulistão, o clube brigará pelo título do Campeonato Brasileiro, da Libertadores e da Copa do Brasil. Mas, se continuar com o desempenho da estreia no Estadual, Lucas Lima dará a volta por cima na carreira, e muito por toque de Luxemburgo

Nesta sexta (24), o treinador do Verdão, inclusive, foi ao programa da Band e deu uma aula de como o armador atua agora na equipe – mais próximo da área e sem a necessidade de recompor a marcação. 



Fonte: 90min