Os 10 jogadores mais ‘improváveis’ que já vestiram a camisa do Barcelona

​Na última sexta (20), o Barcelona apresentou oficialmente o seu ‘reforço de emergência’ para a sequência da temporada 2019/20: ​Martin Braithwaite, atacante de 28 anos contratado às pressas junto ao Leganés. Desconhecido do grande público, o holandês gera debate entre os torcedores catalães, afinal, trata-se de um jogador de carreira mediana com números nesta temporada. Neste caldo, levantamos outras contratações ‘pouco ortodoxas’ realizadas pelo Barça e chegamos a esta lista de atletas improváveis que vestiram a camisa blaugrana:


Kevin-Prince Boateng (2019)

Kevin-Prince Boateng

Contratado via empréstimo junto ao Sassuolo (ITA) em uma movimentação que gerou enorme estranheza na torcida blaugrana, o atacante ganês se despediu da Catalunha após disputar apenas quatro partidas pelo clube. Retornou à Itália para defender a Fiorentina, que seis meses depois, o emprestou ao Besiktas (TUR).


Jean-Clair Todibo (2018-2019)

FC Internazionale v FC Barcelona: Group F - UEFA Champions League

O defensor francês é promissor, mas ainda não havia provado seu valor pelo Toulouse (FRA) quando foi contratado repentinamente pelo Barcelona. Agora, o clube catalão tenta consertar o ‘erro’ dando maior rodagem ao garoto de 20 anos, que está no Schalke 04 via empréstimo.


Paulinho (2017-2018)

FBL-ESP-LIGA-CELTA-BARCELONA

O ex-corintiano é um grande volante, mas nunca se destacou no Velho Continente a ponto de valer uma transferência de 40 milhões de euros para um dos maiores clubes do mundo. O Barcelona não tardou para perceber isso e rapidamente  ‘renegociou’ o brasileiro ao Guangzhou Evergrande (CHI), onde tem status de ídolo.


Marlon Santos (2016-2017)

Marlon Santos

Mais um caso de brasileiro que ‘bateu e voltou’ na Catalunha. Após surgir com status de valioso prospecto com a camisa do ​Fluminense, o zagueiro carioca entrou no radar do Barça e custou 5 milhões de euros aos cofres do clube. Não conseguiu se firmar, sucumbiu à concorrência e acabou rumando ao Nice via empréstimo. Em 2018, foi adquirido em definitivo pelo Sassuolo.


Aleix Vidal (2015-2018)

Aleix Vidal

Contratado por 17 milhões de euros em 2015, o lateral realizou apenas 51 partidas pelo Barça ao longo de três temporadas, sem conseguir se sobressair e driblar o status de reserva absoluto. Deixou a Catalunha em 2018, retornando ao seu clube anterior, o Sevilla.


Douglas (2014-2016)

FBL-ESP-LIGA-BARCELONA-DOUGLAS

A contratação do lateral-esquerdo ​ex-São Paulo pelo Barcelona chegou a virar ‘meme’ em solo brasileira, tamanha aleatoriedade. Empilhou empréstimos e disputou apenas oito jogos oficiais com a camisa do Barcelona. Definitivamente, uma negociação imprevisível e inexplicável.


Rüştü Reçber (2003-2004)

Turkish goalkeeper Rustu Recber (L) and

Trata-se um dos maiores goleiros da história do futebol turco, mas um mero coadjuvante na história do Barcelona. Chegou gratuitamente ao clube catalão em 2003 e disputou apenas sete partidas antes de retornar ao seu país de origem, defendendo a camisa do Fenerbahçe.


Richard Dutruel (2000-2002)

Richard Dutruel

Mais um caso de goleiro que não marcou época com a camisa blaugrana. Seus bons anos no Celta acabaram culminando em uma transferência para a Catalunha, sem que o sucesso do tempo em Vigo se repetisse por lá. Apenas 22 atuações e despedida após duas temporadas.


Christophe Dugarry (1997-1998)

Robert Lee of Newcastle and Christophe Dugarry of Barcelona

Anos dourados pelo Bordeaux levaram o atacante francês ao Milan, onde não gerou impacto. A temporada pouco inspirada pelo gigante italiano, no entanto, não impediu que o Barcelona apostasse em sua contratação. Resultado? 13 atuações e nenhum gol anotado como culé.


Winston Bogarde (1998-2000)

Primera Division - "FC Barcelona"

​Suas temporadas em alto nível pelo Ajax geraram comoção no cenário europeu e o colocaram no radar de gigantes. Fechou com o Milan, mas pouco jogou. Se transferiu ao Barcelona em busca de um recomeço, mas não repetiu o nível de desempenho dos tempos de Amsterdã. Se despediu após 60 jogos em três temporadas.



Fonte: 90min

Comentários