Neópolis é considerada cidade de baixo isolamento social, segundo Observatório de Sergipe

Município neopolitano está entre as 52 cidades sergipanas que aparecem no nível laranja, ou seja, quando o índice de isolamento está entre 3% e 44%

Segundo levantamento do Observatório de , divulgado nesta terça-feira (09) a partir de dados coletados nessa segunda-feira (08), registrou um isolamento social de 37,5%. Foi o 10º menor índice do país e o pior do Nordeste. Com relação às capitais, com 39% das pessoas em casa, Aracaju teve a 10ª pior colocação do Brasil e a 2ª pior do Nordeste.

Durante o Papo Reto com o governador Belivaldo Chagas, também nesta terça-feira, o chefe do Executivo estadual reforçou o pedido para que a população mantenha o isolamento para que os índices de contágio da Covid-19 em Sergipe diminuam e a rotina das pessoas comece a voltar ao normal, sobretudo com relação à retomada econômica do estado. “Todos nós estamos precisando disso, é fato. Eu também gostaria de ver isso acontecer no menor espaço de tempo possível, mas para que isso aconteça estamos todos dependendo um dos outros. Eu dependo de você enquanto governador, vocês dependem da decisão do governador. É preciso que todos façamos a nossa parte. Passamos o tempo todo, e ainda estamos fazendo isso, pedindo, implorando, apelando para que o cidadão fique em casa, só saia se não tiver jeito e quando sair, use máscara”, disse Belivaldo.

Ainda de acordo com Observatório de Sergipe, dos 75 municípios sergipanos, 22 registraram um índice considerado muito baixo, de alerta Vermelho (menor que 35% de isolamento). Foram estes: Malhador, Cedro de São João, Nossa Senhora Aparecida, Campo do Brito, Santa Rosa de Lima, Estância, Carira, Boquim, Propriá, Capela, General Maynard, Nossa Senhora de Lourdes, São Francisco, São Domingos, Moita Bonita, Ribeirópolis, Canhoba, Itabaiana, Pedrinhas, Umbaúba, Nossa Senhora da Glória e Amparo de São Francisco.

Outros 52 municípios, incluído a capital, registraram uma taxa considerada baixa, de alerta Laranja (quando o índice de isolamento está entre 3% e 44%): Feira Nova; Poço Verde; Pirambu; Aquidabã; Carmópolis; Tobias Barreto; Nossa Senhora das Dores; Ilha das Flores; Porto da Folha; Lagarto; Salgado; Simão Dias; São Cristóvão; Macambira; Malhada dos Bois; Japaratuba; Itabaianinha; Itaporanga d’Ajuda; Barra dos Coqueiros; Areia Branca; Pinhão; Japoatã; Rosário do Catete; Monte Alegre de Sergipe; Frei Paulo; Riachão do Dantas; Telha; Brejo Grande; Muribeca; Siriri; Nossa Senhora do Socorro; Cristinápolis; Laranjeiras; Pacatuba; Riachuelo; Aracaju; Poço Redondo; Itabi; ; Tomar do Geru; Santana do São Francisco; Arauá; Canindé de São Francisco; Cumbe; Indiaroba; Gararu; Santo Amaro das Brotas; Maruim; Santa Luzia do Itanhi; Pedra Mole; Graccho Cardoso e São Miguel do Aleixo.

Somente Divina Pastora registrou uma taxa considerada regular, de alerta Amarelo (entre 45% e 54%). Nenhum município sergipano registrou níveis considerados bom (Verde claro – entre 55% e 69%) ou ideal (Verde – igual ou maior que 70%).

O Observatório de Sergipe é ligado à Superintendência Especial de Planejamento, Monitoramento e Captação de Recursos (Superplan) da Secretaria de Estado Geral de Governo.

Fonte: ASN