Exclusivo: Band usa ideias sustentáveis para cenário de novo programa de Mariana Godoy


Band
Band adota cenário sustentável para Mariana Godoy (Imagem: Reprodução / Instagram)

Diretora de Arte e Criação da Band, Luciana Dias falou com exclusividade ao RD1 sobre o cenário do novo programa de Mariana Godoy. Segundo a profissional, 95% do projeto foi pensado com peças já existentes. “A gente quer lembrar que as pessoas precisam ler”, afirmou.

“Seguindo o que a gente implementou há um ano, todos os cenários que são reuso da Band, preocupada com o meio ambiente, esse a gente se orgulha ainda mais. Ele é 95% reuso. A gente buscou elementos que estavam guardados no galpão em Campinas, a estante de livros são os nossos livros que estavam no acervo da casa”, contou.

Luciana destacou a arte pensada para o espaço. “Toda a arte tem uma história. A gente está com peças do Vale do Jequitinhonha, com cerâmica marajoara, panelas de barro de Minas Gerais, a gente arrumou várias parcerias. Toda semana terá uma curadoria de arte”, adiantou.

Chef do programa, ainda sem nome, Dalton Rangel ganhou um “mimo” sustentável dentro do cenário. “As plantas que estão no cenário são reais, os temperos que estão no vaso de Diamantina, Minas Gerais, são de verdade. O Dalton vai poder colher e utilizar [na receita]”, revelou. “As louças nós estamos trazendo dos ceramistas de Cunha. É uma celebração a arte e ao artesanato nacional”, completou.

Dias deu ênfase ao lado da leitura. “A gente vai deixar na estante, por exemplo: a gente vai entrevista um autor, vai deixar [o livro] ali. O objetivo é encher essa estante, e lembrar que a leitura faz parte da educação desse país. O Arte 1 vai dar 30 livros do acervo. Livros de arte, de cultura, de artesanato”, listou.

Sobre a ideia do cenário para Mariana Godoy, a ideia veio em uma espécie de continuação ao que já foi apresentado ao público com a cenografia do Melhor da Tarde e, mais recentemente, do Brasil Urgente. “A gente tem um complemento de um outro cenário, por que a gente está tentando fazer com que a comunicação visual da Band tenha um sentido, uma linguagem que permeia a programação com a clareza da informação, como no nosso jornalismo, que começou pelo Datena”, explicou.

“Nós estamos inspirados em uma palheta de designer de interiores europeia de 2021. A gente sai na frente com uma tendência. Esse cenário conversa com o Melhor da Tarde, que conversa com o Datena, que vai conversar com o nosso debate. Essa clareza da informação é a meta da comunicação visual da Band esse ano”, disse.

CONTINUE LENDO →

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.

Fonte: RD1

Comentários