Arma de fogo é apreendida em Porto Real do Colégio

Na manhã desta quinta (04), policiais civis da Delegacia de Polícia de Porto Real do Colégio, coordenados pelo Delegado Rômulo Andrade, deram cumprimento a Mandados de Busca e Apreensão e de Prisão Preventiva, emitidos pelo Juiz de Direito Vinícius Garcia Modesto, que atendeu aos pedidos formulados pelo Delegado.

Às investigações tiveram início há 30 dias e culminaram na operação nesta quinta. No povoado Sampaio, zona rural de São Brás, foi recolhida uma espingarda em revista ao imóvel da pessoa de D.S.S, 38 anos.

Já na aldeia Kariri-Xoco foi preso o indígena P.M.S, 23 anos, este que responde a quatro Inquéritos Policiais pela prática de crimes sexuais, dentre os quais importunação sexual e outros. A operação teve apoio de guarnições da Polícia Militar local.

“O trabalho investigativo desempenhado por esta Delegacia, respaldado pela Justiça e pelo Ministério Público locais, com a cooperação operacional da Polícia Militar, resulta no combate constante da criminalidade em nosso município”, frisou o Delegado.

As missões de hoje contaram com o apoio da 3 Companhia da PM. Em breve em Porto Real do Colégio será inaugurada mais uma CISP que integrará ainda mais os trabalhos policiais no município.

Assessoria