Despesas por Dudu chegam na mesa de Barros e novas saídas devem aliviar folha: “R$ 2 milhões por 80%”; Botafogo-SP é insistente


Santos Borré e Diego Costa foram os jogadores mais especulados no Palmeiras neste início de temporada. No fim do ano passado, o colombiano, que também esteve na mira de São Paulo, Atlético e Grêmio, exigia € 10 milhões de prêmio pela assinatura do contrato. 




Barros deu uma boa vasculhada no mercado e dois nomes entraram em pauta. Ademir, do América, e Dudu, do Botafogo-SP. Este último, inclusive, teve sua situação explicada por Paulo Pelaipe, diretor da equipe do interior. O mesmo garantiu que não há nenhuma proposta pelo jogador, e sim sondagens.

Neste momento, o jovem se recupera de uma lesão no tornozelo e ficará fora por dois meses. O Botafogo é dono de 100% dos direitos de Dudu e não deve facilitar qualquer investida. Nicola ainda entrou em contato com uma pessoa próxima do atacante, que assegura que o Verdão seria o mais próximo de um possível desfecho.

Foto: Marcello Zambrana/AGIF
Foto: Marcello Zambrana/AGIF

A ideia do Palmeiras seria pagar R$ 2 milhões de reais por 80% dos direitos de Dudu. O Verdão também deve abrir mão de alguns atletas nos próximos meses, conforme informado pela reportagem de Danilo Lavieri, em sua coluna no ‘UOL Esporte’.

O Palmeiras está de olho no retorno de Dudu (do Al-Duhail, não do Botafogo-SP) e os salários seguem sendo um dos maiores do elenco. Neste caso, a alternativa seria negociar um dos atletas para aliviar a folha de pagamentos. Também é importante ressaltar que Taty Castellanos, do NY City, também está em pauta.

  • Palmeiras
  • Dudu
  • Botafogo-SP
  • Mercado

Fonte: Bola Vip