Mano vira assunto em entrevista de G. Gómez e Luxa é citado em comparação: “Estava apertado”; trabalho de Abel é elogiado


Vanderlei Luxemburgo não deixou saudades no Palmeiras, mas plantou raízes importantíssimas no trabalho de Abel. O medalhão foi o responsável pela utilização de inúmeros atletas que se destacaram na base do Verdão, como Menino, PK, Veron e Danilo. O treinador também deixou o grupo em uma boa situação na Libertadores, já que o português só assumiu o time na fase eliminatória.




Abel, aliás, agradeceu o treinador depois da conquista da América. “Foi o Vanderlei [Luxemburgo] quem começou esse trabalho. Não escondo, a verdade é essa. Depois de fazer um trabalho, tivemos que resgatar alguns jogadores, mas quem começou o trabalho foi ele e nós todos que fechamos. Muita gente perguntou o que tinha dito ao Gallardo. Eu disse que ia ganhar essa competição”, frisou o treinador.

Nesta última semana, G. Gómez também relembrou o trabalho de Luxa. O zagueiro, em entrevista ao programa ‘Resenha ESPN’, comparou os diferentes estilos dos comandantes. “Quando tínhamos muitos jogos, o calendário estava apertado e ele (Abel) falava pra eu mandar um vídeo para os companheiros que estavam concentrando, em viagem. Chamava os mais experientes e pedia para falar”.

Foto: Fernando Alves/AGIF
Foto: Fernando Alves/AGIF

“Ele (Abel) é novo e tem mais essa resenha com os jogadores. Todo mundo sabe que eu cheguei aqui e já estava o Felipão. Pegamos treinadores com muita história, né? Luxemburgo, Mano Menezes, e agora o Abel. Eu acho que com Abel o relacionamento é mais aberto. Ele é mais novo”, finalizou o paraguaio. Gómez, aliás, estará entre os presentes no jogo de volta contra o DyJ, pela Recopa.

FICHA TÉCNICA – PALMEIRAS X DEFENSA Y JUSTICIA (VOLTA)

Data: 14/04 – quarta-feira 
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Mané Garrincha – Brasília

  • Palmeiras
  • Mano Menezes
  • Gustavo Gómez
  • Vanderlei Luxemburgo
  • Abel Ferreira

Fonte: Bola Vip