Retorno previsto de Rodinei deve fazer defensor deixar o Flamengo; São Paulo manifestou interesse em janeiro



Rodinei deve realmente voltar ao Flamengo. O empréstimo do jogador ao Inter acaba no final de maio e o Colorado já manifestou que não irá adquiri-lo de forma competitiva. O nome do atleta agrada a Rogério Ceni e, se não existir nenhuma proposta de compra, ele será aproveitado no elenco. O comandante gosta do estilo de jogo do defensor.




Como Rafinha não foi contratado, Ceni entende que precisa de um atleta mais experiente para ser reserva ou até brigar por posição com Isla, que não vive um bom momento. Matheuzinho é considerado promissor, mas ainda oscila devido a idade. João Lucas está encostado no elenco e, com o retorno de “Rodi”, sua saída ganha ainda mais força internamente no Rubro-Negro.

O atleta quase fechou com o Cuiabá, mas o negócio de última hora acabou não acontecendo. O São Paulo, antes de contratar Orejuela, manifestou interesse em tê-lo. As conversas com o Tricolor Paulista aconteceram em janeiro. O jovem só tem vínculo com Fla até dezembro e pode assinar um pré-acordo com qualquer outro time a partir de junho.

Os representantes do lateral também já enxergam uma eventual saída como o melhor para a carreira do garoto. João está no Flamengo desde 2019, após se destacar no Campeonato Carioca vestindo a camisa do Bangu. Já teve algumas chances, mas nunca teve sequência no time principal. Hoje, Matheuzinho está na sua frente na disputa pela posição.

Com Rodinei de volta, o Rubro-Negro ficaria com 4 laterais e um precisaria sair. A princípio, o ‘escolhido’ é João Lucas e a diretoria flamenguista está aberta para ouvir propostas de clubes interessados em seu futebol.

  • Flamengo
  • Rodinei
  • Defensor
  • Lateral

Fonte: Bola Vip