Aplicação Financeira: Do Investimento Inicial ao Grau de Risco


O que é uma aplicação financeira?

Aplicação financeira é qualquer investimento realizado em alguma instituição financeira, sendo assim, a aplicação financeira abrange movimentos básicos como aplicar um valor em um fundo de renda fixa ou comprar algum ativo, ou seja, investir em ações de uma empresa.

Existem variações nas aplicações financeiras, por isso, alguns pontos são importantes para serem observados pelo investidor.

Investimento inicial 

Por exemplo, o investimento mínimo inicial depende do tipo de produto financeiro. Porém, os títulos disponíveis no mercado financeiro para investimento costumam ter um valor mínimo exigido. 

No entanto, esse valor pode ser relativamente baixo, como por exemplo, para investir no Tesouro Direto, você pode investir a partir de R$ 30.

Prazo e liquidez 

 O prazo e a liquidez dos investimentos também são pertinentes para uma análise, já que algumas aplicações possuem um tempo mínimo para o resgate do dinheiro, sem que o investidor perca valores. Além disso, quanto maior o tempo aplicado, maior a rentabilidade do seu investimento.

Rentabilidade

A rentabilidade é o lucro de fato em cima de cada aplicação, o quanto a aplicação rende. Por isso, a rentabilidade é calculada de forma diferente para cada investimento. Pois, os investimentos consideram fatores diferentes para serem estáveis, ao passo que quanto maior o tempo de aplicação, maior será a rentabilidade do investimento.

Grau de risco

O grau de risco também deve ser considerado quando for realizar algum investimento. Já que não basta escolher um investimento em longo prazo, é necessário analisar o risco do investimento.

No entanto, é importante ressaltar que a exposição do investidor está diretamente ligada a rentabilidade, já que investimentos de riscos menores oferecem menores retornos. Por isso, é importante que escolha entre os investimentos de renda fixa e de renda variável. 

Renda fixa e renda variável 

Sendo assim, investir em renda fixa traz menores riscos, pois é possível saber o quanto você vai receber ao final do prazo estipulado.

Entretanto, investir em renda variável traz mais possibilidades de ganhos. Por isso, os investidores que buscam retornos mais elevados, assumem esse risco e investem em opções relacionadas à renda variável.

No entanto, é importante que o investidor tenha clareza sobre o fato de que todos os investimentos estão expostos à volatilidade do mercado financeiro.

Portanto, é importante verificar esses fatores básicos para entender melhor sobre seus investimentos futuros. Falamos sobre algumas opções, como CDB, Tesouro Direto e sobre o perfil do investidor, basta clicar nos respectivos links.

Fonte: Notícias Concursos