Carlos César irá receber R$800 mil após acordo com Galo na Justiça


Mineiro

Lateral ex-Atlético-MG irá receber R$800 mil após acordo com o clube na Justiça

O lateral-direito Carlos César chegou a um acordo com o clube referente a dois processos de 2019 e 2020. Pagamento será feito em 36x

Publicado em 18/05/2021
por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 18 (AFI) – A diretoria do Atlético-MG chegou a um acordo com o lateral-direito Carlos César, o clube irá pagar R$800 mil para o jogador. O pagamento é referente a dois processos trabalhistas de 2019 e 2020.

O primeiro processo tem um valor de R700 mil, que será pago em 36 parcelas a partir do mês de julho. O Galo ainda pagará R$ 72 mil a título de honorários ao advogado de Carlos César. O segundo processo tem o valor de R$100 mil, que será pago da mesma forma que o primeiro.

Carlos César atuou pelo Galo até 2019 - Foto:Bruno Cantini/ Atlético-MG

Carlos César atuou pelo Galo até 2019 – Foto:Bruno Cantini/ Atlético-MG

OS JUROS

Nos dois acordos estão previstas cobranças de juros, multas e até vencimento antecipado de outras parcelas em caso de atrasos nos pagamentos.

OS PROCESSOS

Os processos movidos pelo jogador cobravam do Atlético férias, saldo de salários, diferenças de gratificações, FGTS, adicional noturno, hora noturna reduzida e descanso semanal remunerado.

Carlos César deixou o clube em 2019 após o fim de seu contrato, o jogador estava no Galo desde 2011 e fez 101 partidas pelo clube. O jogador chegou a ser emprestado diversas vezes e agora voltou para o Boa Esporte, clube que o revelou.

ATLÉTICO-MG: Dodô se mostra favorável para atuar em outras posições no esquema de Cuca e cita diferença com Arana: “ele é mais agudo na frente”


Fonte: Futebol Interior