Internacional vence Juventude e garante vaga na final do Gauchão

Na noite deste sábado, Internacional e Juventude foram a campo para o segundo jogo da semifinal do campeonato Gaúcho. O primeiro confronto acabou em vitória do Papo por 1 a 0 e o Internacional precisava buscar o placar em sua casa. E conseguiu. Em uma partida marcada por gols, a equipe de Ramirez conseguiu provar o fator casa e garantiu a vitória sem passar por grandes sustos: 4 a 1.

Inter x Juventude

O Inter goleou o Juventude neste sábado para garantir vaga na final do Gauchão (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Primeiro tempo: 
No começo do jogo, o Juventude tentou explorar os espaços que o Colorado cedia. No entanto, a chance mais perigosa da partida foi do Internacional. Aos 18 minutos do primeiro tempo, o goleiro do Juve saiu errado, houve uma bola cruzada e a defasa logo afastou. E a bola sobrou para o Mauricio, que levantou a bola na área. Galhardo cabeceou para fora.

Em todo o primeiro tempo a equipe de Porto Alegre teve domínio com a posse de bola. Quando o jogo se aproximava do fim da primeira etapa o Colorado conseguiu concluir as chances. Em um contra-ataque rápido, aos 43 minutos, Galhardo disparou para cima da defesa do Juventude e tocou livre para Yuri Alberto empurrar para as redes do Juventude.   

Três minutos depois o Internacional ampliou. Após um erro na saída de bola do Juventude, a bola foi entregue para Edenílson, que esperou Mauricio aparecer para só jogar a bola para o fundo das redes.

Segundo tempo:
O jogo não tinha completado um minuto sequer e o Juventude conseguiu uma grande oportunidade. Aos 30 segundos, o Internacional saiu errado, a bola sobrou Matheus Peixoto, que entrou na área colorada mas na hora da finalização acabou sendo travado pelo zagueiro Rodrigo Dourado.

Após uma falta dentro da área em cima de Yuri Alberto, o VAR chamou o juiz da partida para revisar o lance e o pênalti foi assinalado. Edenílson marcou aos 17 do segundo tempo aproveitando a penalidade em uma cobrança sem chances para Carné. 

Se engana quem acha que o só teve pênalti para a equipe do Internacional. Victor Cuesta faz falta na linha da área colorada e o pênalti foi marcado. Matheus Peixoto diminui em uma cobrança forte, aos 22 minutos do segundo tempo.

Após o gol da equipe da cidade de Caxias do Sul, a partida ficou mais disputada no meio de campo. E, quando se acreditava que não teria mais gols o Inter fez o quarto. Aos 33, Rodinei pega rebote e cabeceia para decretar a classificação colorada para a final do estadual. 

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 3 X 1 JUVENTUDE
Estádio: Beira Rio, Porto Alegre (RS)
Data: 08 de maio de 2021, às 19h (de Brasília)
Árbitro: Daniel Nobre Bins
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Matheus Olivério Rocha.
VAR: Wagner Reway
Cartões amarelos: Wescley (ECJ), Marcelo Carné (ECJ), Victor Cuesta (SCI)
Cartões vermelhos:

GOLS: Yuri Alberto 43’/1ºT, Maurício 46’/1ºT, Edenílson 17’/2ºT, Matheus Peixoto 22’/2ºT, Rodinei 33’/2ºT 

INTERNACIONAL (Técnico: Miguel Angel Ramirez)
Marcelo Lomba; Rodinei, Zé Gabriel, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenílson (Rodrigo Lindoso aos 32’/2ºT) e Praxedes (Nonato aos 32’/2ºT); Mauricio (Caio Vidal aos 19’/2ºT), Thiago Galhardo (Marcos Guilherme aos 19’/2ºT) e Palacios (Yuri Alberto aos 39’/1ºT)

JUVENTUDE (Técnico: Marquinhos Santos)
Marcelo Carné; Alyson, Rafael Forster, Vitor Mendes e Paulo Henrique; Castilho (Gustavo Bochecha aos 38’/2ºT), João Paulo (Nicolas aos 44’/2ºT) e Wescley (Matheus Jesus aos 32’/2ºT); Marcos Vinicius, Matheus Peixoto (Elton aos 44’/2ºT) e Capixaba (Matheusinho aos 38’/2ºT).





Fonte: https://www.lance.com.br/