Juliana Paes rememora ‘perrengue’ em cena de sexo: ‘aquele tapinha na coxa’



Juliana Paes participou do ‘Que História É Essa, Porchat?’ desta semana e abriu o jogo para Fábio Porchat sobre perrengues de gravação. A apresentadora Ana Furtado também estava presente no programa. 

Na ocasião, Juliana relembrou que já passou por uma situação constrangedora enquanto gravava uma cena de sexo.

“Eu fiz uma cena com um colega que colaram o pinto e o saco dele todo com fita crepe só que a cena era toda dentro da banheira. Qual a chance do negócio não descolar? Ai a gente tá lá e daqui a pouco eu sinto um tapa, né? Quando descola e você sente aquele tapinha na coxa”, contou Juliana. 

A atriz revelou que também já passou vergonha por falta de eficiência do adesivo no meio de um ensaio da escola de samba Viradouro. Por indicação de uma amiga, Juliana, que na época tinha 20 anos, resolveu usar um sutiã adesivo, mas não deu muito certo. 

“Daqui a pouco eu senti que o suor começou a entrar no adesivo. Daqui a pouco eu sinto o negócio cair no chão. (…) Bateria comendo solta e o peitinho de frango caiu no chão. Eu tensa falei: ‘Tenho que seguir adiante’. Ai eu continuei, mas vem a noia, eu comecei a achar que tava todo mundo olhando porque eu tava caolha, porque um peito tava liso e o outro tava aceso. Comecei a entrar numa paranoia sinistra”. 

Depois de se livrar dos adesivos, estilo “peito de frango”, a atriz disse que estava dando uma entrevista e um dos rapazes da bateria apareceu dizendo que tinha encontrado o peito que ela tinha deixado cair. 





Fonte: iBahia