Náutico tenta quebrar tabu de 63 anos contra Sport para ser campeão


Pernambucano

PERNAMBUCANO: Náutico tenta quebrar tabu de 63 anos contra rival para ser campeão

A competição tem cobertura completa do Placar Futebol Interior, o mais completo do Brasil

Publicado em 21/05/2021
por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 21 (AFI) – Náutico e Sport decidem o título do Campeonato Pernambucano neste domingo, às 16h, nos Aflitos. No jogo de ida, as equipes ficaram no empate por 1 a 1 na Ilha do Retiro. O Leão tem um grande tabu em relação ao rival quando se falar em finais. Nas últimas 12 decisões, o rubro-negro venceu 11. O Timbu levou o troféu contra o maior rival em 1968. Na ocasião, o duelo foi disputado em três jogos.


COBERTURA COMPLETA
O Portal FUTEBOL INTERIOR acompanha todos os Campeonatos Estaduais do Brasil
online pelo PLACAR AO VIVO e também depois com comentários e
destaques da rodada.
Baixe também o Aplicativo – App Placar FI – tanto pelo Google Play como APP Store.

VEJA TODOS OS DETALHES DOS ESTADUAIS


As equipes se enfrentaram na última rodada da primeira fase. Na ocasião, o Sport venceu por 3 a 0. Na semifinal, o Leão derrotou o Salgueiro, com gol de pênalti, nos minutos finais. Já o Timbu levou a melhor no clássico contra o Santa Cruz, por 1 a 0. Quem vencer, será campeão. Um empate levará a decisão para os pênaltis.

O ‘Clássico dos Clássicos’ já foi disputado em 557 oportunidades, com 186 vitórias do Náutico e 213 do Sport. Outras 158 vezes, o jogo terminou empatado.

COMO VEM O LEÃO?
O Sport tem uma dúvida importante para o duelo contra o Náutico. O técnico Umberto Louzer ainda não sabe se contará com Thiago Neves. A expectativa é que o veterano inicie o duelo entre os titulares. Caso seja opção no banco de reservas, o escolhido será Thiago Lopes. De resto, segue a equipe do duelo de ida.

Náutico e Sport se enfrentam neste domingo

Náutico e Sport se enfrentam neste domingo

“Vamos trazer uma intensidade maior. Competitividade e equilíbrio melhor nas duas fases, ofensiva e defensiva, para que a gente possa fazer um jogo diferente do que tivemos e conseguir o nosso objetivo que é ser campeão”, falou Louzer, que ainda não contará com o atacante André, recém-contratado.

E O TIMBU?
Hélio dos Anjos não tem muito o que fazer no time do Náutico. A equipe será aquela que vinha atuando, com um trio formado por Erick, Kieza e Vinícius, além de Jean Carlos como o principal armador. O treinador aposta no entrosamento para superar o maior rival e quebrar um longo tabu.

“Infelizmente nesse último jogo erramos muitos gols e não conseguimos a vitória. Já passou, temos consciência disso, mas estamos trabalhando forte para que, na próxima partida, a gente tenha um aproveitamento bem melhor e consiga sair vitorioso”, falou Vinícius.


Fonte: Futebol Interior