‘No Limite’: acompanhe o segundo episódio | No Limite


“Conversamos muito depois do portal, principalmente para entender os votos no André. Para mim, ele é peça fundamental no jogo”, diz Carol Peixinho.

André e Kaysar conversam após saída de Mahmoud — Foto: Globo

Na sequência, eles esquentam os pés e Angélica alerta sobre a possibilidade de uma gripe. Gleici a chama de mãe e ela não curte muito a colocação: “Eu não vim para ser mãe das pessoas aqui. Eu me preocupo, mas acho que isso pode ser ruim para mim. A Gleici eu sei que tenho que ter cuidado com ela, porque a forma que eu falo ela acha que eu quero impor algo. Preciso ter esse tato”.

Enquanto isso, a tribo Carcará almoça com os itens que ganhou nas provas e prepara um macarrão com legumes. Felizes, Viegas canta e Elana ensina Zulu a dançar. Eles se preparam para a Prova do Privilégio: “Se a gente ganhar hoje, eles já vão ficar na mente que estão enfraquecidos. A gente tem que engolir esses hoje, porque amanhã é a Prova de Eliminação”, diz Gui Napolitano.

Viegas canta na tribo Carcará — Foto: Globo

Elana e Zulu dançam na tribo Carcará — Foto: Globo

🔥 PROVA DO PRIVILÉGIO

“A Prova do Privilégio de hoje é um circuito, dividido em quatro etapas. Os participantes têm que pegar as barras de madeira, passar por dentro do primeiro obstáculo e depois subir e descer. Em seguida, tem que atravessar o grid segurando as estacas e depois encaixar essas mesmas barras na estrutura. Cada participante tem que pegar duas varetas para atravessar e encaixar na estrutura em cima, se equilibrando na corrente embaixo. Com as mesmas varetas, cada participante tem que construir uma ponte para atravessar. O último da tribo tem que recolher as duas varetas restantes. Essas varetas fazem parte do desafio final: montar o quebra-cabeça. Apenas dois participantes podem realizar essa tarefa. Quem montar primeiro e corretamente, vence o desafio”, explica Andre Marques.

Itens da Prova do Privilégio — Foto: Globo

Como possuem um participante a mais, Carcará precisa eliminar um participante da prova e escolhem Ariadna: “Eu tive uma distensão muscular na coxa direita. Não acho que foi uma exclusão do grupo, acho que foi um cuidado coletivo que o grupo teve comigo. As minhas funções não estão só nas provas. Estão também na inteligência e nas ideias que eu estou dando. Eu não me senti excluída”.

Ariadna não participa da Prova do Privilégio — Foto: Globo

Calango na Prova do Privilégio — Foto: Globo

Carcará levou a melhor e montou o quebra-cabeça primeiro. “A gente vê que eles estão muito explosivos e agressivos e não é a nossa vibe”, diz Jéssica, ao ver a comemoração da outra tribo. Mesmo perdendo, Kaysar elogia o grupo: “Entramos com espírito de equipe e saímos assim, foi o que eu senti”.

Calango e Carcará competem na Prova do Privilégio — Foto: Globo

Carcará monta o quebra-cabeça e vence a prova — Foto: Globo

“Perdemos a prova. Não estava nos planos perder, mas se eles quiserem ganhar todas de comida, para mim tá bom. Mas eu quero que eles percam todas as de imunidade. Comida a gente está se virando, mas eu não quero voltar para casa”, conclui Angélica.

Ariadna e Íris falam sobre prostituição — Foto: Globo

Depois da prova, os participantes falaram um pouco de suas vidas e Íris e Ariadna se desentenderam quando o assunto foi prostituição: “Só o fato de ser uma mulher trans, já me tira todos os privilégios. Eu acho muito chato ter quer ficar debatendo isso. Ficou chato e eu preferi sair de perto. Eu gosto dela e ela tem muito o que aprender ainda sobre isso”.

A noite foi difícil e com muita chuva. As tribos passaram a noite em claro e receberam mantas térmicas para ajudar. Íris quase desistiu do No Limite: “Outra noite dessa eu não aguento, não”.

Íris comenta sobre noite de chuva — Foto: Globo

“Dois integrantes de cada tribo vão estar acoplados por uma corda guia e com as mãos e os pés amarrados. Vocês vão ter que atravessar eles pelo circuito, um de cada vez. Quando chegar no final da base, não pode desamarrar e vocês vão voltar para pegar o segundo integrante, atravessar com eles pelos obstáculos e chegar na base. Depois que os dois chegarem, eles se desamarram e vão pegar uma chave que vai estar presa no corpo deles para abrir um cadeado, que vai liberar um taco, quebrar uma caixa que vai cair no chão. Dentro da caixa, existem sacos de areia. Somente os dois amarrados vão poder pegar esses sacos e derrubar os tocos que estão na plataforma. Vence quem deixar ela limpa, sem nenhum toco em cima dela. Quem ganhar, vai levar um prêmio extra”, explica o apresentador.

Desta vez, Carcará decide que Íris não fará a prova: “Juntamente com o grupo a gente decidiu para eu ficar de fora. Achei melhor não colocar em risco a equipe”.

Assista a tudo o que aconteceu no segundo episódio do ‘No Limite’:



Fonte: Gshow