Rondoniense: Porto Velho denuncia escalação irregular em semifinal


Rondoniense

Rondoniense: Porto Velho denuncia escalação irregular e pede suspensão do 2º jogo

Porto Velho apresentou uma notícia de infração ao TJD-RO por conta de supostas escalações irregulares do União Cacoalense

Publicado em 17/05/2021
por Agência Futebol Interior

Porto Velho, RO, 17 (AFI) – Uma polêmica pode mudar os rumos das semifinais do Campeonato Rondoniense. Isso porque o Porto Velho apresentou uma notícia de infração ao Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RO) por conta de supostas escalações irregulares do União Cacoalense, adversário da semifinal.

JOGADORES PUNIDOS

Na última semana, dois jogadores do União Cacoalense foram punidos. Maikon Junior Pereira pegou um jogo de suspensão e Fabio Junio de Souza Almeida pegou três partidas. Entretanto, os dois constam na súmula do jogo último domingo, no primeiro encontro entre as equipes na semifinal, vencido pelo Porto Velho por 1 a 0.

Em sua apresentação ao TJD, o Porto Velho destaca que não houve notícia de efeito suspensivo ou qualquer recursos nos processos dos dois jogadores. Além disso, destaca que na súmula, apesar de o nome de Maikon aparecer, é seguido pela letra A, indicando ausência.

Por outro lado, o nome de Fabio Junio, conhecido por Fabinho, não só aparece na súmula e com indicação de presença, como aparece no campo de substituições. Ele entrou no lugar de Gladstone aos 34 minutos do segundo tempo.

SUSPENSÃO DO JOGO DE VOLTA

O Porto Velho pede a punição de três pontos, o que deixaria o União Cacoalense com -3 nas semifinais, sendo impossível sua classificação. Com isso, o Porto Velho pede a suspensão do jogo até que o julgamento seja concluído.


Fonte: Futebol Interior