Talleres-ARG x RB Bragantino – Quem vai dormir na liderança?


Sul-Americana

Talleres-ARG x RB Bragantino – Quem vai dormir na liderança?

Os dois times estão separados por apenas um ponto na classificação do Grupo G

Publicado em 17/05/2021
por Agência Futebol Interior

Bragança Paulista, SP, 17 (AFI) – Em confronto direto pela liderança do Grupo G da Copa Sul-Americana, o Red Bull Bragantino enfrenta o Talleres-ARG, às 21h30 desta terça-feira, no Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba, na Argentina, pela penúltima rodada.

O Red Bull Bragantino está na vice-liderança, com seis pontos, um a mais que o terceiro colocado Talleres-ARG. Quem vencer assume a liderança do Grupo G de forma provisória, pois o Emelec-EQU, que tem sete, recebe o Tolima-COL na quarta-feira.

COMO VEM O MASSA BRUTA
Focado na Sul-Americana, o técnico Mauricio Barbieri escalou um time todo reserva no último domingo, quando o Red Bull Bragantino foi eliminado pela Ponte Preta nos pênaltis, depois de empatar em 1 a 1 no tempo normal, pelas semifinais do Troféu do Interior.

Red Bull Bragantino perdeu para o Talleres, por 1 a 0, em casa (Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino)

Red Bull Bragantino perdeu para o Talleres, por 1 a 0, em casa (Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino)

Tudo indica que Maurício Barbieri repita a escalação que começou na vitória sobre o Emelec-EQU, por 2 a 0, na semana passada. O volante Ricardo Ryller e o meia Lucas Evangelista cumprem seus últimos jogos de suspensão nesta terça-feira.

“Ainda vou estudar. Tem a possibilidade de manter (os três zagueiros). Uma das situações que fez a gente mexer foi não poder contar com o Helinho nos últimos jogos. Ele voltou bem e vamos tentar fazer a melhor escolha para enfrentar o Talleres. É uma decisão e tenho certeza que vai ser um jogo quente”, disse Barbieri.

NÃO POUPOU
O Talleres-ARG entrou em campo no último sábado pelas quartas de final do Campeonato Argentino contra o Colón-ARG e também acabou perdendo nos pênaltis depois de um empate por 1 a 1 no tempo normal. Mas, diferente do Red Bull Bragantino, o técnico uruguaio Alexandre Medina não escalou um time reserva e mandou a campo praticamente o que tem de melhor à disposição.


Fonte: Futebol Interior