veja as datas dos pagamentos de maio do Bolsa Família


Começa nesta semana os pagamentos do mês de maio do programa Bolsa Família. De acordo com o calendário oficial, os repasses começam para quem termina com o 1 no Número de Inscrição Social (NIS). Essa lógica seguirá nnormalmente até o próximo dia 31 deste mês.

Os pagamentos do 13º salário do programa acabaram ainda no último mês. Isso quer dizer portanto que os beneficiários agora irão receber apenas o dinheiro do Bolsa Família. De acordo com o Ministério da Cidadania, que responde pelo programa, a média de repasses desse programa é de R$ 190.

Vale lembrar que há pessoas do programa que não estão recebendo os valores do Bolsa Família. É que neste momento elas estão na condição de beneficiárias do Auxílio Emergencial. Seja qual for o caso, o fato é que o calendário é o mesmo para os dois pagamentos.

Veja abaixo:

  • 18/05 – NIS final 1
  • 19/05 – NIS final 2
  • 20/05 – NIS final 3
  • 21/05 – NIS final 4
  • 24/05 – NIS final 5
  • 25/05 – NIS final 6
  • 26/05 – NIS final 7
  • 27/05 – NIS final 8
  • 28/05 – NIS final 9
  • 31/05 – NIS final 0

Ainda de acordo com o Ministério da Cidadania, as pessoas recebem aquele benefício que tiver o valor maior. Então se o Bolsa Família pagar mais, elas seguem no programa. Caso o valor maior for o do Auxílio Emergencial, então elas migram de programa.

Essa migração é apenas temporária. Assim que os pagamentos do Auxílio Emergencial chegarem ao fim, os beneficiários voltam para o Bolsa Família. Isso é algo que aconteceu de maneira muito semelhante nos repasses dos benefícios ainda em 2020.

Novo Bolsa Família

Falando em fim do Auxílio Emergencial, o Governo garante que está preparando um programa novo para fazer com que as pessoas saiam do projeto atual caindo no novo benefício. De acordo com o Ministro da Cidadania, João Roma, esse programa novo nada mais é do que uma versão atualizada do Bolsa Família.

Ainda se sabe pouco sobre esse novo programa. João Roma revelou apenas que a ideia principal do Governo é fazer pagamentos maiores. De acordo com o Presidente Jair Bolsonaro, o projeto faria repasses médios de R$ 250 por pessoa. Como dito, a média atual é de R$ 190.

Além do aumento no valor, o Governo também quer aumentar o número de beneficiários do Bolsa Família. E aí boa parte dos usuários que entrariam seriam aquelas que estão na fila de espera do programa. No entanto, vale lembrar que nada disso é informação oficial ainda.

Auxílio Emergencial

As pessoas do Bolsa Família que estão recebendo o Auxílio Emergencial não precisam se preocupar com o calendário agora. É que na prática, nada mudou muito para esses beneficiários. As datas dos recebimentos do benefício seguem as mesmas.

O local da retirada do dinheiro segue o mesmo também. Dessa forma, dá para dizer que as únicas coisas que mudaram foi o valor e o nome do programa. De resto, o calendário de pagamentos é aquele mesmo que se baseia pelo Número de Inscrição Social.

De acordo com o Ministério da Cidadania, a maior parte dos beneficiários do Auxílio Emergencial que vieram do Bolsa Família estão recebendo o maior valor do programa. Eles estão recebendo portanto a quantia de R$ 375 por mês. É portanto um dinheiro muito maior do que a maioria dos pagamentos do Bolsa Família.

Fonte: Notícias Concursos