Caio Cezar desmaia em partida contra o São Bento e sai de ambulância


Brasileiro

Série D: Meia do Bangu desmaia em partida contra o São Bento e é levado ao hospital

Segundo informações da assessoria do Bangu, o jogador se encontra consciente

Publicado em 12/06/2021
por Agência Futebol Interior

Sorocaba, SP, 12 (AFI) – Após o mau súbito de Eriksen, da Dinamarca, na Eurocopa, mais um susto aconteceu na tarde deste sábado (12), em Sorocaba, quando o meia Caio Cezar, do Bangu, acabou desmaiando durante partida contra o São Bento, pela segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro e precisou ser retirado de ambulância.

SUSTO

Foto: Ary Souza

Foto: Ary Souza

Por volta de 43 minutos da primeira etapa, o meia Caio Cezar, camisa 10 do Bangu, passou mal no meio do campo e teve de ser retirado até a lateral do gramado, onde acabou desmaiando.

O atleta teve um princípio de convulsão, mas após ser socorrido pelos médicos do São Bento retomou a consciência e teve de sair da partida de ambulância direto ao hospital.

A partida foi paralisada pelo árbitro Wasley do Couto Leão por aproximadamente 55 minutos e retomada após o cumprimento do protocolo. Segundo informações da assessoria do Bangu, o jogador se encontra consciente e foi levado ao hospital para seguir o protocolo de observação médica.

CASO ERICKSEN

O susto que marcou a estreia da Dinamarca na Eurocopa neste sábado começou aos 42 minutos quando Eriksen caiu desacordado no gramado. O camisa 10 chegou a receber massagem cardíaca no gramado, causando enorme comoção no estádio Parken, em Copenhague antes de ser encaminhado ao Rigshospitalet, próximo ao estádio.

O camisa 10 dinamarquês corria para receber a bola quando cambaleou e desmaiou, sofrendo um mal súbito. Os companheiros correram para os primeiros socorros e o desespero foi grande até a chegada dos médicos. O atendimento teve longa duração enquanto havia tentativa de reanimação cardíaca.

Apesar do enorme susto, o meia foi reanimado e levado para o hospital ‘estabilizado’. O público presente no estádio aguardou por mais de uma hora nas arquibancadas até receber a notícia boa sobre seu ídolo. Assim que foi anunciado o “estado estável”, cantaram forte o nome do jogador. A torcida da Finlândia gritava “Christian” e os dinamarqueses completavam com “Eriksen”.


Fonte: Futebol Interior