Carcará vence a Prova do Privilégio e dedica à Ariadna | PROVA ACORRENTADOS ITI ITAÚ


A Prova do Privilégio do quarto episódio de No Limite mexeu com os nervos das duas tribos. Os participantes tiveram que administrar agilidade e paciência em busca da vitória que garantia itens para sobrevivência no reality.

As tribos Calango e Carcará durante a Prova do Privilégio em ‘No Limite’ — Foto: Globo

Na Prova Acorrentados iti, os competidores estavam com os pés presos por uma corrente e tinham que atravessar por debaixo de um circuito, soltar as bolsas dos seus times e, depois, um integrante montava duas bolas que deveriam ficar presas em um gradio.

“Como ganhamos a última prova da Imunidade, a gente estava sedento por essa Prova do Privilégio”, contou Gleici.

Pela Carcará, Gui Napolitano se atrapalhou e contou com ajuda de Elana para seguir o jogo. Contudo, o time foi ultrapassado pela tribo Calango. Porém, Bil puxava a equipe, enquanto Gleici e Jéssica estavam ainda presas às correntes dos adversários.

“Eu a entendo quando ela diz: ‘tá me puxando, me arrastando’, mas todas as outras pessoas da outra tribo estavam fazendo a mesma coisa”, defendeu-se Bil.

André arremessa pela tribo Calango em ‘No Limite’ — Foto: Globo

Calango conseguiu avançar, André montou os kits e começou a arremessar as bolas em direção ao gradio. Só que não acertou nenhuma. Com Viegas no comando, a Carcará acertou três das quatro lançadas e venceu a prova.

No final, a tribo ganhadora, Carcará, ainda podia escolher quais pratos poderia comprar com R$ 500. Enquanto isso, a tribo Calango só observava os adversários se empanturrarem de tanto comer.

A tribo Carcará diante das comidas que compraram na Prova do Privilégio — Foto: Globo

iti é a conta digital 100% grátis com cartão sem anuidade pra você ir com tudo sem precisar de nada. Nada de comprovante de renda, nada de comprovante de residência e nada de complicação. E só quem é cliente iti vai ter exclusividade na inscrição do No Limite 2022. Baixe o app e vá com tudo.



Fonte: Gshow