Chamusca comanda Seleção FI da 7ª rodada com Cano e mais…


​Campinas, SP, 28 (AFI) – A 7ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B terminou com o Náutico na liderança, com 17 pontos, seguido por Coritiba, Goiás e Sampaio Corrêa. Sampaio Corrêa e CSA também foram destaques por vencerem, respectivamente, Botafogo e Cruzeiro.

A Seleção FI tem nomes interessantes com o do atacante Cano, do Vasco da Gama, de Luciano Cástan, do Coritiba, e de Dawhan, da Ponte Preta, que está na mira do Cruzeiro.

O técnico escolhido foi Marcelo Chamusca, que vem fazendo uma campanha interessante com o Sampaio Corrêa, que vem crescendo na Série B, principalmente agora ao derrotar um dos favoritos ao título, o Botafogo.

Confira a Seleção FI da 7ª rodada da Série B:

Goleiro: Rafael Santos (Confiança)
O Confiança conseguiu segurar um empate sem gols diante do Operário muito por causa da atuação do goleiro Rafael Santos, que fez grandes defesas na última sexta-feira. O arqueiro teve atuação de destaque e ajudou o Dragão levar um ponto importante de Ponta Grossa.

Lateral-direito: Léo Matos (Vasco)
De volta ao time titular do Vasco, Léo Matos foi importantíssimo na vitória do Gigante da Colina sobre o Brusque na noite deste domingo (27). Seguro defensivamente e preciso na criação de jogadas, o lateral fez o gol da vitória do Cruzmaltino aos 42 do segundo tempo, após receber bola dentro da área, ajudando os cariocas a subirem na tabela de classificação.

Zagueiro: Luciano Castán (Coritiba)
O Coritiba não sofreu gol nos últimos três jogos: 1 a 0 no Vila Nova, 1 a 0 no Vitória e 2 a 0 no Guarani. Muito se deve ao entrosamento de Castán com Henrique. Diante do Guarani, o primeiro ainda se aventurou ao ataque e deu uma de centroavante. Ele começou a jogada, avançou da intermediária, tocou para Robinho e foi a área para abrir o marcador de cabeça no Brinco de Ouro.

Zagueiro: David Duarte (Goiás)

Foi um dos destaques do Goiás no empate sem gols diante do Vila Nova no clássico da 7ª rodada da Série B. Teve grande atuação defensiva e ainda chegou bem no ataque como elemento surpresa. Foi um dos pontos altos da equipe.

Lateral-esquerdo: Zé Mario (Sampaio Corrêa)
Entrou muito bem na vitória por 2 a 0 para cima do Botafogo. Tomou conta do setor, criou boas oportunidades de gol e ainda deu assistência para Gui Campana decretar o triunfo. Foi muito bem defensivamente também.

Volante: Dawhan (Ponte Preta)
Apesar de seguir sem vencer no Campeonato Brasileiro da Série B e continuar na lanterna, a Ponte Preta podia ter saído com mais uma derrota, mas graças ao volante Dawhan somou pelo menos um ponto no empate por 1 a 1 com o Brasil de Pelotas. Foi dos pés do meio-campista, que rejeitou uma proposta do Cruzeiro para seguir da Macaca, que saiu o gol que terminou com um jejum de não conseguir balançar às redes do time campineiro que já durava quatro rodadas.

Meia: Adenílson (Londrina)
Adenílson foi o nome da virada do Londrina sobre o Vitória. O meia entrou no lugar de Matheus Bianqui e resolveu o jogo. O gol de empate foi de Adenílson que bateu bonito. Na virada, ele deu uma boa assistência para Tárik. A primeira vitória do Londrina saiu graças a Adenílson.

Meia: Jean Carlos (Náutico)
Jean Carlos é o motorzinho do Náutico. Praticamente todas as bolas de ataque no Timbu passa pelos seus pés. No empate por 1 a 1 contra o Remo, não foi diferente. O atleta comandou as ações e iniciou o lance que culminou com o gol marcado por Paiva, nos minutos finais do duelo.

Atacante: Iury (CSA)
Não tem como Iury ficar de fora da Seleção FI. Ele precisou de apenas um minuto para acabar com o Cruzeiro. Iury foi o nome da virada do CSA ao fazer dois gols em um intervalo de 60 segundos. Iury é matador! Iury foi o herói do Azulão.

Atacante: Cano (Vasco)
A principal arma ofensiva do Vasco na temporada mais uma vez mostrou que está com a pontaria em dia. O artilheiro do Vasco fez o primeiro gol do time na vitória por 2 a 1 sobre o Brusque neste domingo, além de ter criado boas chances para seus companheiros durante o duelo.

Atacante: Jonathan (Avaí)
Jonathan foi o jogador mais perigoso do Avaí na vitória por 1 a 0 para cima do CRB. Ele fez gol, jogou uma no travessão e chamou a responsabilidade nesta vitória importante para o Leão dentro da Série B do Brasileiro.

Técnico: Marcelo Chamusca (Sampaio Corrêa)
Apesar dos erros de arbitragem, o Sampaio Corrêa fez um grande jogo contra o Botafogo para conquistar três pontos importantes na luta pelo acesso. Marcelo Chamusca montou um time competitivo, fez substituições cruciais e carimbou um lugar na seleção da rodada do Futebol Interior.

Confira também:





Fonte: Futebol Interior