Claudia Raia rememora casamento com Alexandre Frota, aos 18 anos: ‘Devaneio delicioso’



Claudia Raia relembrou o passado em entrevista à coluna Patricia Kogut. Entre as memórias, ela falou sobre o casamento com Alexandre Frota, aos 18 anos. 

A atriz descreveu o relacionamento com então colega de cena como um “devaneio adolescente” no sa sua biografia “Sempre raia um novo dia”.

“Nós fazíamos muito sucesso, muito mesmo. Éramos tipo o casal da vez. Ele sempre foi comprometido com o trabalho. E a gente era do mesmo núcleo, então, às vezes facilitava e às vezes, não. Mas era o auge no nosso casamento, dava tudo certo. Naquela época efervescente dos anos 1980, auge das revistas de fofoca, a gente acabava sofrendo um pouco com essa interferência. Misturava Claudia Raia e Alexandre com Beto e Tancinha”, disse, se referindo a novela Sassaricano, que está disponível no Globoplay.

A atriz confessou ainda que não tem como negar que foi impulsiva quando decidiu se casar pela primeira vez:

“Uma pessoa que se casa com 18 anos não pensa. Eu digo que foi um devaneio, mas foi um devaneio delicioso. Me apaixonei e casei, ninguém colocou uma faca na minha garganta me obrigando, muito pelo contrário. Não me arrependo, faz parte da história da minha vida. Se eu não tivesse tido um relacionamento conturbado na juventude, talvez não tivesse tido um casamento que durou tanto depois, e não tivesse chegado até aqui, com o Jarbas (Homem de Mello, seu atual marido). Foi a construção de um caminho. Eu tinha 18 anos, ele, 20. Então, até que durou muito, quase cinco anos. As pessoas me veem assim, muito livre e alegre, mas eu sou do interior. Tenho essa questão dicotômica.  Ao mesmo tempo que tenho esse meu jeito, tive uma formação tradicional, de gostar de casar, de ter casa. Mesmo nos anos 1980, nunca fiz as loucuras da época. O pessoal ficava pulando de boate em boate. Eu já era bailarina, muito disciplinada, não bebia, só água. Chegava às festas, me jogava um pouco na pista e ia embora”, disse. 





Fonte: iBahia